O novo Android 13, um dos lançamentos mais esperados do ano, foi oficialmente apresentado no dia 11 de maio pelo Google. O sistema operacional de codinome “Tiramisu” chegou com novidades, principalmente no quesito segurança e privacidade. Outras melhorias incluem as aplicações como o Google Tradutor, Maps e Wallet.

A atualização chega aos smartphones no final deste ano. Os primeiros a receberem o novo sistema são os celulares Pixel, do próprio Google. Contudo, esses modelos não estão disponíveis no mercado brasileiro.

A seguir, confira tudo que rolou na conferência Google I/O 2022 e veja as novidades do Android 13.

Quer saber qual a melhor marca de celular? Confira as nossas dicas.

Android 13 foca em privacidade e segurança

Seguindo a tendência do mercado para proteção de dados, o Android 13 chega com melhorias no quesito privacidade e segurança. Esses dois tópicos foram reunidos em um mesmo menu. Nele, é possível especificar quais tipos de conteúdo cada aplicativo poderá ter acesso.

Anteriormente, o usuário já podia autorizar ou não uma aplicação, mas isso dava permissão às mídias de uma forma mais geral. Agora, o Android irá requisitar especificamente acesso a “Fotos e vídeo” ou a “Música e áudio”, por exemplo, separadamente.

Esse cerco de proteção vai ainda além quando se trata de acesso aos arquivos. No Android 13, será possível selecionar exatamente quais mídias (fotos, vídeos, áudios ou músicas) serão acessadas. Dessa forma, não será mais necessário que aplicativos vejam tudo da sua galeria para funcionar. Essa função será ativa graças ao novo API de Photo Picker do novo sistema operacional.

A mesma lógica vale para notificações e localização. Para te notificar ou saber onde você está, as aplicações terão primeiro que pedir autorização para isso.

Google Tradutor recebe mais 24 idiomas no Android 13

Na nova atualização, o Google inclui mais 24 idiomas além dos 109 que já tinha disponível. Entre as novas opções está o guarani, originário da América do Sul. Países como Brasil, Bolívia, Argentina e Paraguai possuem falantes do idioma. O quechua, língua também falada no continente, também é uma novidade do Google.

Outra inovação atende aos usuários multilíngues. No Android 13, é possível escolher idiomas específicos para cada aplicativo. A configuração do seu aparelho pode ser definida para o português, mas a aplicação do Instagram poderá ficar em inglês e o Twitter em francês, por exemplo. Até então, a língua configurada no aparelho era a que valia para todos os apps instalados.

Google Tradutor inclui 24 idiomas no Android 13, incluindo o guarani (Foto: Divulgação/Google)

Android 13 chega com Google Maps mais imersivo

Outra aplicação que receberá melhorias é o Google Maps. A ideia é que o aplicativo de localização se torne cada vez mais imersivo, numa espécie de integração com o Google Street View. Você já foi viajar e quis saber mais sobre o local pelo mapa? Já posicionou aquele “bonequinho” do Google na rua para ver o que tem ao redor? Então.

Com a atualização do Android 13, o Maps deve se tornar um guia de viagem ainda mais completo, mostrando locais de interesse, pontos turísticos. Tudo isso num visual de “video game”. A implementação começará por metrópoles como Londres, Nova York e Tóquio.

Google Maps fica mais imersivo no novo sistema operacional Android 13 (Foto: Divulgação/Google)

Google Assistente e Wallet diferentes

O Google Assistente também foi atualizada para o Android 13. A tendência é que as interações com o assistente virtual fiquem cada vez mais natural. Agora, por exemplo, o usuário não precisará dizer “Ok, Google” quando for dar um comando. Isso acontece graças ao recurso “look and talk”, traduzido livremente em português para “olhe e fale”. Já dá para entender mais ou menos, não é? Assim, basta olhar para o dispositivo e requisitar algum comando que a ordem estará dada.

A carteira virtual dos celulares Android também muda no sistema operacional. Para enviar e receber dinheiro de forma ainda mais fácil, o Google Wallet terá seus acessos padronizados. Dessa forma, cartões de crédito, passagens de avião, ingressos para eventos estarão presentes de maneira mais uniforme e de fácil organização para o uso.

Quer dar um upgrade no seu smartphone? Conheça os 10 melhores aplicativos para Android.

Design do Material You será aprimorado no Android 13

A interface Material You do Android 13 acompanha a do sistema operacional antecessor. A diferença é que os ícones novos estarão ainda mais personalizados, já que seguirão a cor de acordo com o tema escolhido pelo usuário. Isso também inclui o plano de fundo do celular.

Vamos supor que alguém opte pela cor rosa. Esse tom acompanhará não só os ícones dos aplicativos, mas também os planos de fundo das telas e menus. Falando em tema, serão pelo menos mais quatro novos estilos disponíveis.

Material You traz interface com integração de cores no Android 13 (Foto: Divulgação/Google)

“Chromecast integrado”: Android 13 tem conexão inteligente entre dispositivos

Já pensou em copiar um texto no seu smartphone e conseguir colar diretamente no seu tablet automaticamente? Esse tipo de integração será possível no Android 13. Quando houver compatibilidade entre os produtos Android, o usuário poderá usar o espelhamento de tela ou troca de arquivos de maneira mais fluida.

Esse tipo de integração é parecido com o do iOS, da concorrente Apple, no qual já é possível fazer essa integração da área de transferência entres os produtos da marca.

Quais celulares vão receber a atualização?

Se o seu smartphone recebeu a atualização para o Android 12, provavelmente ele também receberá o Android 13. Um dos motivos mais importantes desse upgrade está no quesito segurança. Caso o seu aparelho não faça mais esse update, códigos de defesa específicos para a segurança do aparelho ficam expostos. Isso pode permitir, por exemplo, que dados sensíveis como senhas fiquem vulneráveis.

Você se lembra com qual Android o seu smartphone veio de fábrica? Caso ele tenha vindo com sistema operacional Android 9 ou anterior de fábrica, é possível que o aparelho não atualize para o Android 13. Nesse caso, fique atento a dados sensíveis utilizados. Como mencionado anteriormente, aplicativos de banco ou que envolvam seus dados pessoais podem ficar fragilizados no quesito proteção.

A maioria dos aparelhos da Samsung atualiza, no mínimo, até três versões de Android posteriores. Esse é o caso do S20FE, presente na nossa seleção de melhores celulares Android. Inclusive, modelos da linha S chegam a receber até 4 atualizações do sistema. Pensando em termos de tempo, a vida útil do aparelho em sua totalidade pode durar até cinco anos.