Os processadores são componentes fundamentais para o funcionamento de PCs e notebooks. Presentes em todos os modelos, esses componentes possuem diferentes valores e especificações. Então, para saber qual o ideal para você, é preciso aprender a comparar processadores.

Como seu nome diz, o processador é responsável por grande parte do processamento de tudo que ocorre no sistema. É sua função, acelerar, endereçar, resolver e preparar dados para os demais componentes de um setup executarem suas funções. Saber tudo sobre processador requer algum estudo, mas isso te prepara para escolher o componente ideal na hora de montar um PC.

Existem diferentes tipos de processadores, indicados para determinados usos. Existem processadores especiais para quem curte games, para produtividade e até para servidores de dados.

Você fica na dúvida de qual processador escolher? Não se preocupe, pois neste artigo você vai descobrir como comparar processadores para decidir a melhor opção para você!

Como comparar processadores: AMD vs Intel

AMD e Intel são as principais fabricantes de processadores no mundo (Foto: Reprodução/Shutterstock)

Existem duas grandes fabricantes de processadores no mundo: a AMD e a Intel. Essas empresas são responsáveis pela grande maioria das CPUs domésticas e empresariais que existem no Brasil.

Com diversos modelos entre as duas marcas, a disputa é acirrada entre elas. E isso é bom para o consumidor, que vê suas opções de escolha aumentarem, bem como a variação de preços.

Mas qual das duas empresas é melhor? Essa é uma resposta subjetiva, dado que as duas possuem uma grande variedade de processadores para cada tipo de uso.

O consumidor precisa decidir entre as opções baseando-se em desempenho, tipo de uso e valores. Mas é certo que as duas fabricantes possuem qualidade suficiente para garantir o desempenho de seus processadores, independentemente do uso.

Como comparar processadores: o que devo analisar

As configurações do processador são fundamentais para a escolha (Foto: Reprodução/Shutterstock)

Os processadores possuem características e informações que podem ser confusas aos olhos de uma pessoa que não tem familiaridade com os termos. Fique tranquilo que agora você vai entender o que precisa analisar para escolher seu processador.

Tipo de uso

O primeiro ponto a se considerar é o tipo de uso que seu processador terá. Com isso, é possível selecionar modelos específicos, diminuindo a variedade e trazendo resultados mais interessantes à sua busca.

As próprias fabricantes em seus sites possuem categorias de uso para seus processadores. É uma boa ideia consultá-las para ter ideia de qual modelo baseará sua pesquisar.

Saiba o hardware que você tem

Se você está pensando em um upgrade de processador, você já possui uma placa-mãe, fontes e diversos outros componentes que compõem um PC. Nesta situação, é necessário verificar se eles serão compatíveis com o modelo de processador que você está interessado.

Uma forma de se descobrir isso é observando as especificações das peças que você já possui. Elas darão um indício se suportam as tecnologias do novo processador. Em casos de dúvidas, é recomendado procurar um técnico em informática.

Quando você sabe as peças que já existem no seu computador, é mais fácil comparar processadores e escolher o melhor (Foto: Shutterstock)

Considere a TDP

A TDP é uma sigla em inglês, que traduzida significa "Energia Térmica de Design". Esse termo define a quantidade máxima de calor que o processador irá passar para o ambiente. Com isso, é possível saber qual o tipo de ventilação é necessária na CPU para evitar superaquecimentos.

Medida em Watts, essa informação é muito importante para garantir a vida útil do seu equipamento.

Gráficos integrados

Dependendo do uso, investir em uma placa de vídeo pode ser viável. Mas, para casos mais simples, como o uso para trabalho de escritório ou mesmo um computador doméstico, pode ser uma ideia interessante comprar um processador com gráficos integrados.

Esses modelos irão garantir um desempenho básico de processamento de vídeos e são mais baratos que um investimento em uma placa de vídeo dedicada.

Embora os processadores não tenham sido projetados para esse tipo de tarefa, os modelos mais atuais garantem esse processamento. No entanto, se você quiser aproveitar os games mais atuais, esses modelos não são indicados pois ficam devendo em desempenho.

Para jogar bem, não adianta comparar processadores: você vai precisar de uma placa de vídeo dedicada (Fonte: Shutterstock)

Velocidade

Uma das características que mais chamam a atenção e são fáceis de se comparar é a velocidade do processador. Essa velocidade é conhecida como clock e é medida em gigahertz (GHz). Quanto mais alta, melhor o desempenho do processador

Importante lembrar que, para usos mais complexos, como games, edição de vídeos e programas pesados, como os de modelagem 3D, são recomendados processadores que possuam um clock maior.

Núcleos

Os núcleos são ligados a velocidade do processador e também são fáceis de se comparar. Aqui, como na regra anterior, quanto mais, melhor.  Os núcleos em processadores podem existir fisicamente e virtualmente.

Já ouviu falar em dual-core e quad-core? São nomenclaturas para a quantidade de núcleos presentes no processador.

O dual-core possui dois núcleos, enquanto o quad-core possui quatro núcleos, sendo de maior potência.

Suporte ao overclock

O overclock é um procedimento onde o usuário altera as configurações iniciais do processador para que ele tenha mais desempenho. Essa é uma técnica para quem já é experiente, pois, se feita de forma errada, pode inutilizar o processador devido ao sobreaquecimento que a prática pode causar.

Apesar de a imagem ser um pouco exagerada, o overclock quando mau feito pode causar sobreaquecimento no processador e inutilizá-lo, além de ser uma prática que costuma violar garantias desse componente (Foto: Shutterstock)

Procurar um modelo que tenha suporte ao overclock é garantir uma vida útil maior, visto que é possível “atualizar” o processador após um tempo de uso para que ele tenha um desempenho melhor.

Data de lançamento

A data de lançamento também é fundamental para a escolha do processador. Quanto mais novo, melhor. Isso porque, é garantido que ele tenha as melhores tecnologias e tenha suporte de atualização de software por mais tempo.

Normalmente, ele vai ter uma geração, que é divulgada pelo fabricante. Na Intel, os processadores mais novos são da 11ª geração, por exemplo. Para CPUs da AMD, a quinta geração é a mais atualizada.

É bem simples saber a geração do processador porque vem no nome dele. Por exemplo, um Intel Core i7 9750H é da nona geração. O primeiro número do lado do modelo do processador indica isso. Já um Intel Core i5 10210U é da 10ª geração. Um Ryzen 5 3500U é da terceira geração da AMD, seguindo o mesmo padrão.

Preço

O último ponto, mas não menos importante, é o preço. Com as altas dos valores das peças de PC em nosso país, é preciso estar atento para garantir as melhores ofertas.

Aqui no Buscapé nós temos alguns modelos de processadores que você pode acompanhar os preços!

Como comparar processadores: ferramentas para comparar

Para facilitar a vida do usuário, existem ferramentas que colocam lado a lado os diferentes modelos de processadores, para que as principais informações possam ser confrontadas. Abaixo, vamos disponibilizar duas dessas ferramentas!

Site oficial da Intel

O site oficial da Intel permite que o usuário compare diferentes modelos de processadores da fabricante.

Para isso, o usuário poderá acessar a página de especificações do produto e na caixa de pequisas “Search specifications” digitar o modelo que deseja comparar.

Encontre o modelo desejado no site da Intel (Reprodução/Página de produtos do site da Intel)

Após encontrar o modelo, selecione a caixa de seleção no final da linha da tabela.

A caixa de seleção deve ser clicada para escolher como comparar processadores (Reprodução/Site da Intel)

Repita o processo e encontra um novo modelo de processador para comparar. Ao encontrar, selecione também a caixa de seleção no final da linha.

Escolha outro modelo e entenda como comparar processadores no site da Intel (Reprodução/Site da Intel)

Selecione a caixa azul claro em destaque para ter a comparação.

Tenha os resultados comparativos! (Reprodução/Site da Intel)

CPUBoss

O CPUBoss é um site onde é possível comparar os diferentes processadores de ambas as fabricantes. E isso é feito de uma maneira muito simples.

Basta pesquisar os dois modelos que você deseja comparar e clicar em “Compare”!

O site permite como comparar processadores das duas fabricantes (Reprodução/CPUBoss)

Na próxima tela, serão apresentados todos os dados dos dois modelos que você selecionou para a comparação.

Compare processadores a partir dos resultados do site (Reprodução/CPUBoss)

Com os resultados é possível obter a melhor informação, baseando-se nas nossas dicas de como comparar processadores e encontrar a opção perfeita para seu uso.

Confira também algumas opções de notebooks por processador: