Saber como escolher placa-mãe para PC é fundamental na hora de montar o seu PC. Essa peça é fundamental para a boa harmonia entre os componentes, já que é ela que interliga processador, memória RAM, placa de vídeo e armazenamento. Dentre as principais características a serem verificadas antes de comprar uma placa-mãe, é importante pesquisar sobre os soquetes e chipsets e suas dimensões.

Pensando em te ajudar nesse momento de dúvida, preparamos um guia sobre tudo que você precisa saber antes de comprar uma placa-mãe e começar a montagem do seu computador. Aprenda tudo com a gente a seguir!

Leia também: PC Gamer na Black Friday 2021: dicas para comprar peças com desconto

Verificar o soquete da placa-mãe é importante na hora de comprar um processador (Foto: Aleksandr Grechanyuk/Shutterstock)

Confira as nossas apostas para a Black Friday e veja os melhores produtos para comprar com desconto!

Escolha a fabricante do processador

Para escolher uma placa-mãe que garanta um desempenho satisfatório ao seu computador, é preciso, antes de tudo, escolher qual o processador que você pretende utilizar. Isso é importante, pois cada placa-mãe possui compatibilidade com determinada geração de processadores, seja da Intel ou da AMD. Com essa precaução, você evita adquirir uma placa que possa não ser compatível com o processador que deseje utilizar.

Um grande exemplo disso são os processadores Intel Core de décima geração que precisam do soquete LGA 1200, enquanto os da oitava e nona geração são compatíveis com LGA 1151. Por outro lado, a AMD facilita um pouco esse processo já que todos os processadores da série Ryzen, até então, utilizam soquete AM4. Além disso, cada um desses processadores exigem chipsets específicos, por isso, vale ficar de olho.

A placa-mãe conta com uma série de circuitos responsáveis por interligar os componentes (Foto: Raigvi/Shutterstock)

Chipset e soquete: como escolher?

A partir do momento que você define qual o processador que estará presente em seu desktop, consequentemente você precisará de uma placa-mãe que tenha um soquete específico, como dito anteriormente. Além disso, com uma breve pesquisa no Google, é possível saber a partir da versão do seu processador, qual o soquete ideal para o modelo escolhido.

Além disso, também é importante decidir por um chipset. Os chipsets são componentes internos da placa-mãe que definem o suporte para uma série de configurações importantes em um computador, como número de interfaces USB e slots para SSD e placa de vídeo.

Caso você escolha por um processador da Intel, os chipsets mais comuns são os H370, Q370, B360 e H310, sendo que, para ter um desempenho superior, são recomendados os chipsets Z370 e Z470. No caso dos processadores AMD, os mais utilizados são os chipsets A300, A320, B350, B450, X370, X470, X570, sendo que, em algumas placas o preço é mais baixo e outras são voltadas para alto desempenho.

Gigabyte Aorus é uma das placas de vídeo mais conhecidas à venda no Brasil (Foto: Divulgação/GigaByte)

Saiba o tamanho da placa-mãe

Para escolher a placa-mãe ideal é definir um modelo que tenha o tamanho adequado para o seu gabinete. Por se tratar de uma peça que interliga todos os outros componentes do computador, o ideal é que esse dispositivo não fique tão apertado e deixe espaço suficiente para passagem de ar.

É importante ficar atento às dimensões internas do seu desktop e também da placa na hora que for adquirir uma. Caso fique faltando espaço no seu gabinete, pode ser que seu computador tenha problemas de superaquecimento por conta do pouco espaço para ventilação das outras peças como processador, memória RAM e GPU.

Hoje existem quatro tamanhos de placa-mãe:

  • EATX (30,5 x 33 cm): é a maior forma de placa-mãe e disponibiliza mais entradas e slots PCI-E. Recomendada para fazer SLI ou Crossfire com mais de uma placa de vídeo;
  • ATX (30,5 x 24,4 cm): tamanho padrão de placa-mãe. É a ideal para computadores de mesa que usam, no máximo, duas placa de vídeo e quatro pentes de memória RAM;
  • MicroATX (24,4 x 24,4 cm): placa mais compacta que cabe em gabinetes menores. Por mais que tenha dois slots PCI-E, é recomendado usar apenas uma placa de vídeo e até quatro pentes de memória RAM para manter boa ventilação;
  • Mini-ITX (17 x 17 cm): placas menores que as MicroATX. Como padrão, têm apenas um slot PCI-E e dois slots de memória RAM.

Quer saber mais sobre placa-mãe? Então dá uma olhada nesses artigos!

Verifique a quantidade de slots de memória RAM e PCIe

Verificar a quantidade de slots de memória RAM disponíveis também é muito importante na hora de escolher uma placa-mãe. Principalmente para quem busca um PC Gamer, ou para trabalhos onde se utiliza softwares mais pesados, buscar uma placa que tenha no mínimo quatro slots de RAM é essencial. Com isso, o usuário pode realizar upgrades assim que desejar e não fica limitado a uma baixa quantidade de memória.

Além disso, verifique se o modelo é compatível com PCIe 4.0. Essa característica é importante para a instalação de placas de vídeo mais avançadas, atualizadas e das que podem surgir no futuro, aumentando o desempenho do computador. Caso você queira instalar SSDs de alto desempenho, ter um slot extra com esse tipo de barramento também é necessário.

Portas USB e entradas SATA: não economize nas conexões

Assim como os slots para memória RAM, procure por uma placa-mãe que tenha uma quantidade significativa de portas USB e entradas SATA. Busque por uma placa que tenha, principalmente, portas USB 3.0 ou USB-C, já que são as mais utilizadas atualmente por diferentes empresas fabricantes de periféricos e eletrônicos. Para saber a diferença entre os diferentes tipos de portas USB, dê uma olhada nesse guia que as explica em mais detalhes.

Já no caso das entradas SATA, elas são importantes para a instalação de discos de armazenamentos adicionais, principalmente de SSDs dos tradicionais HDs. Dessa forma, você consegue ter um SSD para instalar o sistema operacional e um HD para armazenar arquivos como fotos, vídeos e documentos. Com todas essas características citadas presentes na placa-mãe, seu computador terá tudo o que é de necessário para um bom desempenho.

Leia mais:

  • Melhor SSD 500GB: velocidade e espaço para o seu PC ou notebook
  • Monte seu PC: escolha peças que atendem às suas necessidades
  • Melhor controle de videogame para PC: 8 modelos para comprar