A Motorola lançou na última semana o Moto G52, o seu mais novo aparelho intermediário da família Moto G. A ideia é um modelo completo para a faixa, mas por um preço acessível. Ele tem taxa de atualização de 90 Hz, que garante fluidez na transição de imagens, e bateria potente de 5.000 mAh, pelo valor sugerido de R$ 1.799 no Brasil.

Como é um lançamento, ele tende a cair de preço. O Moto G52 roda uma versão pura do Android 12 (focada em melhorias visuais e discretos aprimoramentos em recursos de privacidade e segurança), o que já é uma tradição da Motorola.

O Moto G52 também vem com a novidade de três anos de atualização de segurança bimestral. É um excelente recurso para quem se preocupa em estar sempre com o sistema operacional atualizado. A propósito, ele terá atualização para o Android 13, e você pode conferir detalhes sobre ele aqui.

Analisamos os principais itens da ficha técnica do Moto G52 e quer saber se o celular tem bom custo-benefício perante outros da mesma faixa no mercado? Confira nossa análise. Logo a seguir, as ofertas dele:

Moto G52 tem design minimalista e tela poderosa

O design do novo smartphone da Motorola é bastante semelhante ao Moto G41. Ele possui um módulo de câmeras com linhas arredondadas e as lentes traseiras são alinhadas na vertical.

Na parte frontal do dispositivo, há um furo no topo da tela para acomodar os componentes da câmera para selfies. Outro ponto interessante é que o G52 tem apenas 7,99 milímetros de espessura, o que proporciona uma boa discrição ao carregar o aparelho nos bolsos ou em bolsas.

Já a tela do Moto G52 é poderosa para a categoria. É uma pOLED com taxa de atualização de 90 Hz. O display tem 6,6 polegadas, com resolução Full HD+ (1.080 x 2.400 pixels), cobertura da gama de cores DCI-P3 e densidade de pixels de 402 ppi. Resumindo: é uma boa para quem quer filmes e séries.

Afinal, a tela do smartphone da Motorola tem cores mais intensas e pretos mais profundos com o contraste infinito. A tela pOLED proporciona a iluminação de cada pixel individualmente. Com isso, fotos, videochamadas e vídeos ficam com cores mais vívidas.  Já a atualização de 90 Hz da tela traz uma experiência de visualização melhor na transição de imagens.

O aparelho tem proteção visual com uma tecnologia no Modo Noturno que reduz o desfoque do movimento nos jogos e filmes para o usuário ter mais clareza durante a execução de filmes e vídeos.

Sistema de câmeras inteligentes

Sistema de câmeras inteligentes é destaque no Moto G52

O novo Moto G52 traz um sistema de câmera tripla com sensor principal de 50 MP, tecnologia Quad Pixel e Modo Night Vision, capaz de capturar fotos mais nítidas em baixa luminosidade.

Já a câmera macro de 2 MP tem a função dedicada, o que permite fazer imagens mais nítidas dos detalhes da natureza. Já a lente híbrida de 8 MP, com modo ultra-wide e de profundidade, tem como objetivo entregar um bom resultado para quem busca captura ampla com aparência profissional.

Para completar, a câmera frontal do smartphone Motorola é de 16 MP. O celular vem ainda com flash LED e zoom digital de 8x.

Bateria poderosa

A bateria do Moto G52 é um dos pontos fortes do novo celular da Motorola. São 5.000 mAh que atendem bem em um dia inteiro de uso. Além disso, o carregamento conta com o TurboPower da Motorola, que é capaz de fazer o aparelho chegar aos 100% de maneira mais rápida.

Para se ter uma ideia do carregamento TurboPower, o antecessor trazia um carregador de 10W, enquanto o novo smartphone da Motorola traz um de 30W. O seu foco é procurar um smartphone que tenha boa autonomia de bateria? Então não deixe de conferir a nossa lista sobre os celulares com as melhores baterias de 2022.

Desempenho de processador supera o antecessor

O Moto G52 tem processador potente, resultando em boa experiência para jogos (Foto: Divulgação)

O Moto G52 possui processador octa-core Snapdragon 680 da Qualcomm, que chega a 2,4 GHz, e 4 GB de memória RAM. Essa configuração, segundo a fabricante, faz com que o desempenho do Moto G52 melhore 25% em comparação ao processador da geração anterior, o Snapdragon 780 (segundo a Qualcomm).

O resultado é potência extra para suportar jogos mais pesados, streaming de vídeos e recursos avançados de fotografia. Tudo isso sem comprometer a duração da bateria.

O celular traz ainda a versão de 128 GB de armazenamento, com possibilidade de expansão via cartões MicroSD. Para completar, o Moto G52 traz Bluetooth 5.0 e sensor NFC para pagamento por aproximação.

Motorola G52: ficha técnica

  • Tela: pOLED de 6,6 polegadas com resolução Full HD+(2.400 x 1.080 pixels)
  • Taxa de atualização de 90 Hz
  • Processador: Snapdragon 680 com frequência máxima de 2,4 GHz, GPU Adreno 610 de até 950 Mhz;
  • Memória RAM: 4 GB ou 6 GB
  • Armazenamento interno: 128 GB ou 256 GB expansíveis via microSD (até 1 TB);
  • Câmera traseira: tripla de 50 MP (f/1.8, principal) + 8MP (f/2.2, ultrawide) e 2 MP (sensor de profundidade);
  • Câmera frontal: 16 MP;
  • Dimensões: 160,98 x 74,46 x 7,99 mm (AxLxP);
  • Peso: 169 gramas;
  • Bateria: 5.000 mAh com suporte para carregamento TurboPower de 30 W;
  • Extras: certificação IP52, sistema estéreo de alto-falantes;
  • Sistema operacional: Android 12 com interface My UX.

Moto G52 vale a pena?

O Moto G52 vem com carregador TurboPower de 30W e capa protetora (Foto: Divulgação)

Considerando os principais itens da ficha técnica, como desempenho, taxa de atualização, conjunto de câmeras e bateria, a resposta é sim, o Moto G52 vale a pena. Apesar do aparelho não ter recursos tão avançados, vale lembrar que estamos falando de um celular intermediário. E, considerando a faixa, ele é interessante.

Além disso, é importante ressaltar que o Moto G52 tem boas configurações na tela, sistema de som e câmeras. Outro modelo interessante para dar uma olhada da marca é o Moto G41, cuja ficha técnica também foi analisada por nós. Em seguida, ofertas desse modelo.

Outro intermediário interessante é o Motorola Edge 30, que é um intermediário com recursos premium que foi lançado em abril deste ano e promete chegar ao Brasil com preço competitivo. E, se você ainda busca um modelo da marca e não sabe qual comprar, nós podemos te ajudar a escolher o melhor celular Motorola para comprar em 2022.

Se não quiser gastar tanto, temos uma lista com o melhor celular Motorola barato.

Ferramentas do Buscapé que podem te ajudar

Se você quer um celular Motorola no melhor preço, instale a extensão para navegador do Buscapé.  Você consegue ter acesso às ferramentas do Busca, como o Histórico de Preços, o Alerta de Preço e até outras funções em qualquer site, principalmente em lojas parceiras, de um jeito bem prático.

Agora, nada melhor do que ter uma parte do seu dinheiro de volta após fazer uma compra, não é mesmo? Se você é fã de fazer bons negócios, não fique de fora e tire suas dúvidas sobre o Cashback.

Mas se você é do time do cupom de descontos, pode conferir todos os disponíveis no Buscapé!