O Moto G60s é o novo celular intermediário da Motorola que chegou ao Brasil nesta segunda-feira (02). O smartphone é uma nova versão do Moto G60, lançado em abril deste ano. Apesar de ter algumas semelhanças com o irmão mais velho, o modelo traz diferenças relevantes em bateria, câmera e processador.

Entre os destaques do Moto G60s, está a bateria de 5.000 mAh, com carregamento rápido de 50 W. Além de ter autonomia para 36 horas, a Motorola promete até 12 horas de uso com apenas 12 minutos na tomada. O celular tem preço de lançamento de R$ 2.499, e você confere todos os detalhes das especificações a seguir.

Design

O Moto G60s traz um design curvo, que dá um aspecto moderno e marcante ao aparelho. O smartphone está disponível nas cores azul e verde. Em relação ao Moto G60, a principal diferença está no acabamento. O modelo anterior tinha um efeito brilhante, enquanto o novo traz pequenas linhas diagonais e foscas.

Moto G60s é o novo intermediário com carregamento rápido de 50 W (Foto: Divulgação/Motorola)

Na parte traseira, fica o conjunto de câmera quádrupla, que fica envolto em um módulo retangular. Já na frontal, a tela tem bordas finas, com um leve queixo na parte inferior, e um notch em formato de furo para alocar a câmera frontal. Por fim, na lateral direita, estão três botões: power, de volume e um botão dedicado à Google Assistente. O leitor de impressões digitais fica na traseira, camuflado na logo da Motorola.

Em relação às dimensões, o smartphone tem 169,7 x 75,9 x 9,6 mm. Seu peso é de 212 gramas, por conta da bateria mais poderosa, que deixa o aparelho mais pesado. Além disso, a caixa do Moto G60s vem com capa protetora, fone de ouvido estéreo, cabo USB-C e adaptador de tomada de 50 W.

Tela

Se tratando de especificações, a tela do Moto G60s é praticamente a mesma do Moto G60. O smartphone tem 6,8 polegadas, com resolução Full HD+ e painel LCD IPS. A Motorola chama o display de Max Vision, por conta da proporção mais alongada, com bordas mais finas, que dão maior sensação de imersão.

Moto G60s está disponível nas cores azul e verde (Foto: Divulgação/Motorola)

Um dos destaques da tela do smartphone é taxa de atualização de 120 Hz. Graças a ela, o celular atualiza as imagens em uma frequência maior, permitindo uma navegação mais fluida. Essa característica é ótima para quem gosta de assistir a vídeos ou jogar no telefone.

De acordo com a Motorola, o Moto G60s tem uma gama de cores 10% maior e 25% mais brilho à luz do sol. A promessa é de imagens mais nítidas e realistas, com alto nível de brilho e contrastes.

Moto G60s vem com conjunto de câmera quádrupla de até 64 MP (Foto: Divulgação/Motorola)

Câmera

Uma das principais mudanças do Moto G60s em relação ao Moto G60 é o conjunto de câmeras. O modelo lançado em abril trouxe um conjunto triplo com sensor principal de 108 MP, uma das melhores câmeras em um smartphone da Motorola. No entanto, o novo smartphone teve um declínio, com sensor principal de 64 MP. Por outro lado, o número de lentes é maior: são quatro no total.

Além da principal, o modelo tem uma câmera ultra-wide de 8 MP, para fotos com ângulos mais abertos, e uma macro de 5 MP, para fotografar detalhes mais de perto. Há ainda um sensor de profundidade de 2 MP, que ajuda nas fotos com modo retrato e fundo desfocado. Entenda para que serve cada lente na câmera do celular.

O smartphone conta com a tecnologia Quad Pixel, que combina quatro pixels em um para produzir fotos mais nítidas. A Motorola promete ótimas imagens em diferentes situações, com fotos mais claras e em alta resolução. Entre os recursos de câmera, estão o modo Night Vision, que melhoras as imagens feitas em lugares com baixa luminosidade, e o modo de Captura Dupla, que permite capturar fotos e vídeos com as duas câmeras simultaneamente.

Na câmera frontal, o Moto G60s conta com 16 MP para selfies. Além disso, as câmeras gravam em Full HD a 30 fps.

Moto G60s tem lentes ultra-wide e macro para diferentes tipos de fotos (Foto: Divulgação/Motorola)

Desempenho

O Moto G60s traz um ótimo conjunto de processador e memória RAM. Por isso, deve garantir bom desempenho em diferentes tarefas, desde aplicativos de redes sociais, streaming de filmes e músicas e até mesmo em jogos.

O smartphone conta com processador Helio G95, um intermediário da MediaTek com oito núcleos e velocidade máxima de 2 GHz. Ele é 8% mais rápido que a geração anterior (o Helio G90T) e trabalha com 6 GB de memória RAM. Vale lembrar que o Moto G60 traz o chipset Snapdragon 732G, um intermediário da Qualcomm.

Em relação ao armazenamento, são 128 GB. O espaço permite guardar uma boa quantidade de aplicativos, fotos e outros arquivos e ainda pode ser expandido com um microSD de até 1 TB.

O Moto G60s roda sistema Android, na versão 11, que é a mais recente até então. A Motorola não faz modificações na plataforma, mas utiliza a interface My UX, que oferece diversas ferramentas de personalização. Além disso, o smartphone conta com o ThinkShield for Mobile, uma proteção em diversos níveis, que oferece mais segurança e privacidade no uso do aparelho.

Moto G60s vem com processador Helio G95 e memória RAM de 6 GB (Foto: Divulgação/Motorola)

Bateria

Esse é um dos grandes destaques do Moto G60s. Apesar de ter sofrido um downgrade em relação ao Moto G60, que tem 6.000 mAh, o modelo traz ótima capacidade de bateria, com 5.000 mAh. Esse valor é suficiente para 36 horas de uso, de acordo com a Motorola. Até mesmo quem faz um uso mais intenso do aparelho deve conseguir autonomia para um dia de uso.

No entanto, o ponto forte do Moto G60s é seu carregamento rápido de 50 W. Esse é o primeiro celular da Motorola a vir com um carregador com essa potência na caixa. Graças a ele, o usuário consegue obter bateria para 12 horas de uso com apenas 12 minutos na tomada. O recurso é ótimo para quem precisa estar sempre com o smartphone carregado. Entenda como funciona o carregamento rápido no celular.

Moto G60s: preço

O Moto G60s chegou ao Brasil em agosto pelo preço de R$ 2.499. Se considerarmos o valor oficial da Motorola, ele é mais barato do que o Moto G60, que custa R$ 2.699. No entanto, a versão lançada em abril já pode ser encontrada por cerca de R$ 2.000. Nesse caso, ela acaba  se tornando mais atraente, visto que tem uma câmera de 108 MP e bateria de 6.000 mAh. Se você quiser conhecer outros detalhes do modelo, vale conferir o nosso review do Moto G60.

Além disso, nessa categoria de intermediários, é possível encontrar outras opções tão boas quanto por preços mais amigáveis. É o caso do Galaxy A72 e do Realme 7 Pro, por exemplo.

Se você quiser conhecer outras opções antes de comprar, vale conferir a lista de melhores celulares intermediários de 2021. Para quem gosta dos modelos da marca, a dica é ver os melhores smartphones da Motorola e os aparelhos mais baratos da Motorola.

Ficha técnica do Moto G60s

  • Tela: 6,8 polegadas com resolução Full HD+, painel LCD IPS e taxa de atualização de 120 Hz
  • Processador: Helio G95 (octa-core de até 2 GHz), com GPU ARM Mali-G76 MC4
  • Memória RAM: 6 GB
  • Armazenamento: 128 GB (expansível via microSD de até 128 GB)
  • Câmera traseira: 64 MP + ultra-wide de 8 MP + macro de 5 MP + sensor de profundidade de 2 MP
  • Câmera frontal: 16 MP (f/2.2)
  • Bateria: 5.000 mAh, com carregamento Turbo de 50 W
  • Sistema operacional: Android 11
  • Conectividade: Wi-Fi, 4G, 3G, Bluetooth 5.0, GPS e NFC
  • Dimensões e peso: 169,7 x 75,9 x 9,6 mm e 212 gramas
  • Cores: azul e verde
Leia mais sobreCelular