Ative o Buscapé te Protege GRÁTIS. Suas compras protegidas em até R$ 5mil pelo Buscapé te Protege.

Smartphone LG X Power K220
Ícone de Favorito

9/10 (Baseado em 153 avaliações)

Produto Indisponível

Avise-me quando chegar
Informações Básicas
TipoSmartphone
MarcaLG
ModeloX Power K220
ChipsDual Chip
CoresDourado, Titânio
Câmera
Câmera Traseira13.0 Megapixels
Funções da CâmeraFilma em Full HD, Flash, Foco Automático, Panorama, Temporizador
Câmera Frontal5.0 Megapixels Frontal
Tela
Tamanho da Tela5.3 polegadas
Resolução1280 X 720 Pixels
DefiniçãoHD
Hardware
NúcleosQuad-Core (4 Núcleos)
Velocidade do Processador1.3 GHz
Memória Interna16 GB
Memória RAM2 GB RAM
EntradasFone de Ouvido, MicroSD
Software
Sistema OperacionalAndroid
VersãoMarshmallow
Características e Conectividade
Internet4G, Wi-Fi
RecursosBluetooth 4.0, NFC
Bateria
Bateria4100 mAh
Dimensões
Largura74,9 mm
Altura148,9 mm
Profundidade7,9 mm
Peso142 g
Por Colaborador em 09/11/2016
LG X Power é o smartphone barato com ótima duração de bateria

Com incríveis 4000 mAh, o smartphone de entrada da LG traz também um bom desempenho para a categoria e um design bem moderno

Prós
  • Excelente duração de bateria

  • Bom desempenho para a categoria

  • Design moderno
Contras
  • Câmeras são apenas razoáveis

  • Pouca quantidade de armazenamento

No geral, é bem comum encontrarmos smartphones de entrada com a mesma fórmula: um desempenho razoável - para as tarefas mais básicas -, uma duração de bateria condizente com essa demanda e um design nada empolgante. Indo contra essas expectativas, a LG apresenta o X Power, um smartphone com incríveis 4000 mAh de carga - e carregamento rápido. Confira mais detalhes nos parágrafos a seguir.

No geral, é bem comum encontrarmos smartphones de entrada com a mesma fórmula: um desempenho razoável - para as tarefas mais básicas -, uma duração de bateria condizente com essa demanda e um design nada empolgante. Indo contra essas expectativas, a LG apresenta o X Power, um smartphone com incríveis 4000 mAh de carga - e carregamento rápido. Confira mais detalhes nos parágrafos a seguir.

Bateria e câmera

Mas a bateria é o grande destaque do LG X Power. E isso se deve principalmente aos incríveis 4000 mAh que a LG trouxe no aparelho. Como de costume em nossos testes, submetemos o smartphone a uma série de atividades. Na primeira fase de avaliação, tiramos 10 fotos e fizemos um pequeno vídeo de 5 minutos. Após isso, visualizamos os resultados por 15 minutos. Em seguida, navegamos por redes sociais por cerca de 3 horas, fizemos ligações por mais 30 minutos, rodamos por GPS por meia hora e jogamos por mais 20 minutos. Para finalizar, exibimos vídeos no YouTube por 10 minutos e ouvimos algumas músicas por 1 hora. Ao fim do período, ainda restavam 75% de bateria, uma marca impressionante.

Além disso, o aparelho também conta com compatibilidade com o recurso fast charging, que permite uma maior eficácia na hora de carregar o smartphone, concedendo maiores porcentagens de bateria em menor tempo, pelo menos teoricamente. Na prática, os resultados foram bons. O LG X Power foi de 0% a 38% em 25 minutos.

Quanto às câmeras, o smartphone da LG é mais simples. Atrás, o LG X Power conta com uma principal de 13 MP, dotada de Flash LED e capaz de captar vídeos em Full HD (1080p). Na parte da frente, há uma câmera frontal com 5 MP, que também possibilita gravar vídeos nessa resolução. Os resultados, no entanto, são bem razoáveis e, infelizmente, ainda demonstram as limitações de categoria que o aparelho possui.

Em outras palavras, não espere qualidade de fotos acima do convencional, com muitas cores, taxas de contraste surpreendentes ou vídeos capazes de tirar suspiros. As produções, no geral, ficam bem opacas, sobretudo em ambientes sem muita luminosidade ou à noite. Apesar disso, é bom ressaltar, em locais com boa quantidade de luz, as fotos do LG X Power até que são bem boas. A experiência com a câmera frontal, vale dizer, também segue o mesmo padrão da câmera traseira.

 

Já o software da câmera é bem básico. Ele não traz funções extras ou fora do convencional, mas oferece aquela boa e velha interface fluida e simples. Do lado direito, estão recursos básicos, como fotografias e filmagem, enquanto na esquerda encontramos o flash e a opção para ativar a foto panorâmica. Além disso, há um recurso extra, que é a função de embelezamento do rosto, presente na câmera frontal e que não traz bons resultados, deixando as fotos com um aspecto bem artificial.

Mas a bateria é o grande destaque do LG X Power. E isso se deve principalmente aos incríveis 4000 mAh que a LG trouxe no aparelho. Como de costume em nossos testes, submetemos o smartphone a uma série de atividades. Na primeira fase de avaliação, tiramos 10 fotos e fizemos um pequeno vídeo de 5 minutos. Após isso, visualizamos os resultados por 15 minutos. Em seguida, navegamos por redes sociais por cerca de 3 horas, fizemos ligações por mais 30 minutos, rodamos por GPS por meia hora e jogamos por mais 20 minutos. Para finalizar, exibimos vídeos no YouTube por 10 minutos e ouvimos algumas músicas por 1 hora. Ao fim do período, ainda restavam 75% de bateria, uma marca impressionante.

Além disso, o aparelho também conta com compatibilidade com o recurso fast charging, que permite uma maior eficácia na hora de carregar o smartphone, concedendo maiores porcentagens de bateria em menor tempo, pelo menos teoricamente. Na prática, os resultados foram bons. O LG X Power foi de 0% a 38% em 25 minutos.

Quanto às câmeras, o smartphone da LG é mais simples. Atrás, o LG X Power conta com uma principal de 13 MP, dotada de Flash LED e capaz de captar vídeos em Full HD (1080p). Na parte da frente, há uma câmera frontal com 5 MP, que também possibilita gravar vídeos nessa resolução. Os resultados, no entanto, são bem razoáveis e, infelizmente, ainda demonstram as limitações de categoria que o aparelho possui.

Em outras palavras, não espere qualidade de fotos acima do convencional, com muitas cores, taxas de contraste surpreendentes ou vídeos capazes de tirar suspiros. As produções, no geral, ficam bem opacas, sobretudo em ambientes sem muita luminosidade ou à noite. Apesar disso, é bom ressaltar, em locais com boa quantidade de luz, as fotos do LG X Power até que são bem boas. A experiência com a câmera frontal, vale dizer, também segue o mesmo padrão da câmera traseira.

 

Já o software da câmera é bem básico. Ele não traz funções extras ou fora do convencional, mas oferece aquela boa e velha interface fluida e simples. Do lado direito, estão recursos básicos, como fotografias e filmagem, enquanto na esquerda encontramos o flash e a opção para ativar a foto panorâmica. Além disso, há um recurso extra, que é a função de embelezamento do rosto, presente na câmera frontal e que não traz bons resultados, deixando as fotos com um aspecto bem artificial.

Acabamento e tela

No Brasil, o LG X Power está sendo vendido em duas cores: índigo e dourada. Testamos a primeira versão e o que vimos foi  um smartphone digno de elogios. Para um aparelho que custa menos de mil reais, ele possui um corpo bem robusto e um design bem diferenciado e moderno. Sua traseira - que, vale ressaltar, não é removível - conta com uma espécie de revestimento emborrachado e é levemente texturizada. Apesar de ser mais escura, algumas marcas de gordura das mãos aparecem quando uma luz reflete diretamente na traseira do aparelho, mas não chega a ser algo que incomoda muito.

Já suas laterais são totalmente feitas de plástico e também trazem uma cor azulada - ou índigo, como a LG oficialmente a menciona. À esquerda do aparelho, estão localizados os botões de ajustes de volume e também a entrada para bandeja de cartões, que é híbrida. Em outras palavras, você fatalmente terá que escolher entre colocar dois chips de telefonia ou inserir apenas um deles e expandir sua memória por meio de cartões microSD. Vale ainda dizer que o LG X Power é compatível com 4G.

Na parte de baixo, encontramos a tradicional P2 ao lado da também convencional entrada micro USB. O alto-falante, por outro lado, está localizado na traseira do aparelho, próximo à borda de baixo. Suas medidas são as seguintes: 148.9 mm X 74.9 mm X 7.9 mm. Já seu peso é de 136 gramas.

Sua tela, com 5.3 polegadas, conta com tecnologia In-Cell e resolução HD (1280 x 720 pixels). Não é uma das menores telas do mercado, mas, mesmo assim, ocupa bastante parte da área frontal do aparelho, o que o deixa com uma aparência bem moderna e bonita. Além disso, seu desempenho é também razoável.

No dia a dia, seja usando redes sociais ou navegando por portais de notícias, a tela do X Power tem brilho e espaço para dar bom conforto e não cansar os olhos, mesmo após um bom tempo de uso. Além disso, ela traz uma qualidade razoável para exibir vídeos. Testamos, basicamente, com três tipos de conteúdo. Com vídeos comuns do YouTube, sem problemas. A tela não refletiu, a taxa de contraste ficou boa e as cores ficaram bem vivas. Ou seja, é possível assistir a vários vídeos sem se incomodar.

Com conteúdos mais exigentes, como séries e filmes, o assunto é um pouco diferente. Apesar de a tela contar com um bom espaço disponível para enxergar tudo com conforto, a qualidade de alguns atributos básicos do display deixa um pouco a desejar. Um deles é o reflexo da tela, que não chega a ser tão gritante quanto em outros aparelhos, mas que incomoda bastante ao reproduzir conteúdos mais escuros. Aliás, é nesse momento em que vemos a falta de contraste bem definido, apesar da boa qualidade de cores. Mas, para um smartphone de sua faixa de preço, os resultados são muito bons e acima da média.

Em outras palavras, o LG X Power é um smartphone que vai garantir boa qualidade de brilho, contraste e cor para fazer tarefas cotidianas sem nenhum problema, e também arrisca alguns conteúdos mais exigentes, como animações e séries, mas sem muita qualidade.

Já no quesito conectividade, o LG X Power traz o básico para os smartphones atuais, ou seja, conta com Wi-Fi, Bluetooth 4.0, GPS e entrada P2. Um dos pontos negativos, no entanto, é a quantidade de memória interna. O aparelho da LG traz 16 GB de armazenamento, sem considerar que o próprio Android já consome 5,68 GB, o que deixa pouco mais de 10 GB disponíveis para o usuário. Caso você ache essa quantidade insuficiente, ainda há a possibilidade de inserir cartões micro SD de até 32 GB.

No Brasil, o LG X Power está sendo vendido em duas cores: índigo e dourada. Testamos a primeira versão e o que vimos foi  um smartphone digno de elogios. Para um aparelho que custa menos de mil reais, ele possui um corpo bem robusto e um design bem diferenciado e moderno. Sua traseira - que, vale ressaltar, não é removível - conta com uma espécie de revestimento emborrachado e é levemente texturizada. Apesar de ser mais escura, algumas marcas de gordura das mãos aparecem quando uma luz reflete diretamente na traseira do aparelho, mas não chega a ser algo que incomoda muito.

Já suas laterais são totalmente feitas de plástico e também trazem uma cor azulada - ou índigo, como a LG oficialmente a menciona. À esquerda do aparelho, estão localizados os botões de ajustes de volume e também a entrada para bandeja de cartões, que é híbrida. Em outras palavras, você fatalmente terá que escolher entre colocar dois chips de telefonia ou inserir apenas um deles e expandir sua memória por meio de cartões microSD. Vale ainda dizer que o LG X Power é compatível com 4G.

Na parte de baixo, encontramos a tradicional P2 ao lado da também convencional entrada micro USB. O alto-falante, por outro lado, está localizado na traseira do aparelho, próximo à borda de baixo. Suas medidas são as seguintes: 148.9 mm X 74.9 mm X 7.9 mm. Já seu peso é de 136 gramas.

Sua tela, com 5.3 polegadas, conta com tecnologia In-Cell e resolução HD (1280 x 720 pixels). Não é uma das menores telas do mercado, mas, mesmo assim, ocupa bastante parte da área frontal do aparelho, o que o deixa com uma aparência bem moderna e bonita. Além disso, seu desempenho é também razoável.

No dia a dia, seja usando redes sociais ou navegando por portais de notícias, a tela do X Power tem brilho e espaço para dar bom conforto e não cansar os olhos, mesmo após um bom tempo de uso. Além disso, ela traz uma qualidade razoável para exibir vídeos. Testamos, basicamente, com três tipos de conteúdo. Com vídeos comuns do YouTube, sem problemas. A tela não refletiu, a taxa de contraste ficou boa e as cores ficaram bem vivas. Ou seja, é possível assistir a vários vídeos sem se incomodar.

Com conteúdos mais exigentes, como séries e filmes, o assunto é um pouco diferente. Apesar de a tela contar com um bom espaço disponível para enxergar tudo com conforto, a qualidade de alguns atributos básicos do display deixa um pouco a desejar. Um deles é o reflexo da tela, que não chega a ser tão gritante quanto em outros aparelhos, mas que incomoda bastante ao reproduzir conteúdos mais escuros. Aliás, é nesse momento em que vemos a falta de contraste bem definido, apesar da boa qualidade de cores. Mas, para um smartphone de sua faixa de preço, os resultados são muito bons e acima da média.

Em outras palavras, o LG X Power é um smartphone que vai garantir boa qualidade de brilho, contraste e cor para fazer tarefas cotidianas sem nenhum problema, e também arrisca alguns conteúdos mais exigentes, como animações e séries, mas sem muita qualidade.

Já no quesito conectividade, o LG X Power traz o básico para os smartphones atuais, ou seja, conta com Wi-Fi, Bluetooth 4.0, GPS e entrada P2. Um dos pontos negativos, no entanto, é a quantidade de memória interna. O aparelho da LG traz 16 GB de armazenamento, sem considerar que o próprio Android já consome 5,68 GB, o que deixa pouco mais de 10 GB disponíveis para o usuário. Caso você ache essa quantidade insuficiente, ainda há a possibilidade de inserir cartões micro SD de até 32 GB.

Desempenho

Por dentro, o LG X Power conta com um conjunto mais simples, porém, ainda assim, capaz de ter bom desempenho. O processador é um Mediatek MT6735 Quad-core, com 1.3 GHz, e a memória RAM conta com 2 GB. Já a GPU é uma Mali-T720. O Android é o 6.0, conhecido como Marshmallow, mas ainda não há previsão para que ele seja atualizado para a nova versão, conhecida como Nougat.

No geral, o smartphone dedicado à longa duração de bateria da LG foi além e trouxe um conjunto bastante competente. Todas as tarefas rodaram sem dificuldades e com relativa fluidez ao abrir e fechar aplicativos. Ou seja, para um smartphone dessa categoria, o LG X Power vai rodar suas tarefas sem dificuldades, mesmo com vários apps abertos em segundo plano. Com games, o desempenho não foi muito além do básico. Portanto, jogos mais simples rodarão sem problemas no LG X Power. Com os mais pesados, no entanto, a fluidez será boa, mas sem muita qualidade gráfica.

Como de costume, também executamos alguns benchmarks, que são softwares direcionados a uma análise do modelo e cujos resultados ajudam a fazer uma comparação com outros smartphones. Primeiramente, rodamos o Antutu, que faz uma espécie de avaliação geral do modelo - tanto na parte gráfica quanto na operacional. Nesse caso, o resultado foi de 31130 pontos. Já no Quadrant, que faz uma análise parecida, o LG X Power atingiu 6460 pontos.

 

Já no 3D Mark, o smartphone da LG é submetido a uma bateira de testes um pouco distinta. Nesse caso, o foco é ver como a parte gráfica do aparelho se sai, ou seja, se a taxa de frames não cai quando exigido ou como o aparelho se comporta rodando desde gráficos mais simples quanto os mais complexos. Como isso varia conforme a exigência, o benchmark oferece três cenários de uso, chamados (por ordem de intensidade) de Ice Storm, Ice Storm Unlimited e Ice Storm Extreme. Os resultados foram de 4925, 4994 e 3028 pontos.

Por dentro, o LG X Power conta com um conjunto mais simples, porém, ainda assim, capaz de ter bom desempenho. O processador é um Mediatek MT6735 Quad-core, com 1.3 GHz, e a memória RAM conta com 2 GB. Já a GPU é uma Mali-T720. O Android é o 6.0, conhecido como Marshmallow, mas ainda não há previsão para que ele seja atualizado para a nova versão, conhecida como Nougat.

No geral, o smartphone dedicado à longa duração de bateria da LG foi além e trouxe um conjunto bastante competente. Todas as tarefas rodaram sem dificuldades e com relativa fluidez ao abrir e fechar aplicativos. Ou seja, para um smartphone dessa categoria, o LG X Power vai rodar suas tarefas sem dificuldades, mesmo com vários apps abertos em segundo plano. Com games, o desempenho não foi muito além do básico. Portanto, jogos mais simples rodarão sem problemas no LG X Power. Com os mais pesados, no entanto, a fluidez será boa, mas sem muita qualidade gráfica.

Como de costume, também executamos alguns benchmarks, que são softwares direcionados a uma análise do modelo e cujos resultados ajudam a fazer uma comparação com outros smartphones. Primeiramente, rodamos o Antutu, que faz uma espécie de avaliação geral do modelo - tanto na parte gráfica quanto na operacional. Nesse caso, o resultado foi de 31130 pontos. Já no Quadrant, que faz uma análise parecida, o LG X Power atingiu 6460 pontos.

 

Já no 3D Mark, o smartphone da LG é submetido a uma bateira de testes um pouco distinta. Nesse caso, o foco é ver como a parte gráfica do aparelho se sai, ou seja, se a taxa de frames não cai quando exigido ou como o aparelho se comporta rodando desde gráficos mais simples quanto os mais complexos. Como isso varia conforme a exigência, o benchmark oferece três cenários de uso, chamados (por ordem de intensidade) de Ice Storm, Ice Storm Unlimited e Ice Storm Extreme. Os resultados foram de 4925, 4994 e 3028 pontos.

Conclusão

O LG X Power é o smartphone indicado para quem não quer gastar muito e, principalmente, para quem quer um novo celular com muita (muita mesmo) bateria à disposição. Os 4000 mAh de carga dão (e sobram) para um dia intenso de uso. Seu processador, apesar de não ser o mais rápido do mercado, aguenta com sobra tarefas mais simples, como redes sociais, emails e navegadores. Para jogos, por outro lado, o aparelho não é o mais indicado, mas, mesmo assim, consegue rodar alguns games mais leves sem dificuldades. O lado negativo, por fim, fica por conta da câmera. Se você deseja um conjunto de ponta para tirar algumas fotos, é necessário aumentar um pouco o orçamento.

Matérias Relacionadas
10/10 Recomendo este produto
10/10 Recomendo este produto
10/10 Recomendo este produto
10/10 Recomendo este produto
Verificado
10/10 Recomendo este produto
Avaliação Geral94%Recomendam a compra
9/10Baseado em 153 avaliações
Aspectos Positivos
  • Custo-Benefício
  • Duração da Bateria
  • Design
  • Facilidade de Uso
  • Durabilidade
  • Funções e Características
  • Display
  • Câmera
Enviar sua Avaliação