Ative o Buscapé te Protege GRÁTIS. Suas compras protegidas em até R$ 5mil pelo Buscapé te Protege.

Multifuncional Epson EcoTank L375 Jato de Tinta
Ícone de Favorito

8/10 (Baseado em 137 avaliações)

Produto Indisponível

Avise-me quando chegar
Informações Básicas
TipoMultifuncional
MarcaEpson
LinhaEcoTank
ModeloL375
Tecnologia de ImpressãoJato de Tinta
FunçõesCópia, Impressão, Scanner
Impressão
Tipo de ImpressãoColorida
Resolução Máxima de Impressão5760 x 1440 dpi
Velocidade Máxima de Impressão em Cores15 pág/min
Velocidade Máxima de Impressão em Preto33 pág/min
Papel
Bandejas1
Capacidade de Folhas100 folhas
Mídias AceitasA4, A5, A6, B5, Carta
Digitalização
Resolução máxima de digitalização1200 x 2400 dpi
Área de Escaneamento216 x 297 mm
Especificações Técnicas
ConectividadeUSB, Wi-Fi
CompatibilidadeMac OS X, Microsoft Windows
VoltagemBivolt V
Consumo Máximo11 W
Por Colaborador em 18/05/2016
A nova geração das impressoras ECO Tank, a Série L375, foi melhor organizada e está mais econômica

Tanque foi reposicionado ao lado da impressora, facilitando a troca de tinta, e agora as tintas rendem até 7500 impressões; 1000 páginas a mais que a L365.

Prós
  • Tanque de tinta está melhor posicionado

  • Rendimento econômico

  • Softwares continuam completos

  • Sistema de impressão por e-mail é uma boa 

Contras
  • Instalação apresenta alguns problemas

  • Não possui visor digital na impressora 

As impressoras ECO Tank já são conhecidas no mercado, principalmente pela economia de impressão. Os tubos de tinta, que contém 70 ml, conseguem imprimir 35 vezes mais do que as de cartucho comum.

Além disso, a L375, o modelo mais recente da linha, foi melhorado na questão do design, em especial do tanque de tinta, que agora fica ao lado da impressora, sem rodeios.

Em contrapartida, os modelos ECO Tank são mais caros. Então, vale a pena adquirir uma impressora da linha com tubos de tinta ou as de cartucho comum? 

As impressoras ECO Tank já são conhecidas no mercado, principalmente pela economia de impressão. Os tubos de tinta, que contém 70 ml, conseguem imprimir 35 vezes mais do que as de cartucho comum.

Além disso, a L375, o modelo mais recente da linha, foi melhorado na questão do design, em especial do tanque de tinta, que agora fica ao lado da impressora, sem rodeios.

Em contrapartida, os modelos ECO Tank são mais caros. Então, vale a pena adquirir uma impressora da linha com tubos de tinta ou as de cartucho comum? 

Design, instalação e desempenho

A L375 pouco mudou desde sua última versão. Mesmo em seu design, que continua sóbrio e predominante preto, com poucos detalhes em branco. Se olharmos bem, apenas o seu tanque de tinta é que foi alterado e está colocado na lateral da impressora, aumentando sua altura. Agora, a impressora conta com 48,9 cm de largura, 52,7 cm de comprimento e 29,5 cm de altura.

O tamanho dela é uma das grandes vantagens, Já que mesmo que ele seja reduzido, a L375 é bastante econômica por conta de seus tubos de tinta e, além disso, ela é multifuncional, ou seja, scaneia documentos, faz cópias e, claro, imprime.

Com o cabo USB e o CD de drive, que vêm na caixa com a impressora, você poderá instalar a impressora. Se seu notebook não possui leitor de CD, basta fazer o download do software da impressora no site da EPSON (https://epson.com.br/Suporte/Impressoras/Impressoras-multifuncionais/Epson-L/Epson-EcoTank-L375/s/SPT_C11CE92301).

Feito isso, siga os passos indicados na instalação. Você poderá já configurar a impressora na rede Wi-Fi, mas se preferir, use o cabo USB para agilizar o processo. Contudo, no nosso caso, instalamos a impressora pelo cabo USB, mas quando tentamos configurar o Wi-FI tivemos que baixar outra vez o software. Por isso, a nossa recomendação é que já instale com o Wi-Fi, para que esse problema não venha a ocorrer.

No que diz respeito ao desempenho da L375, a impressora é capaz de imprimir 25 páginas de texto em pouco mais de 4 minutos, uma média de 6 páginas por minuto. Já nas páginas coloridas, em resolução normal, a impressora levou 30 segundos para imprimir uma foto, uma velocidade bastante alta para esse porte.

Já nas resoluções máximas, as imagens coloridas levam muito mais tempo e utilizam muito mais tinta, mas, em contrapartida, secam bem rapidamente e não ficam com cheiro.  

Na usabilidade, o visor digital faz falta, principalmente para fazer cópias, já que nesses casos será necessário apertar o botão de copiar o número de vezes que deseja copiar o documento. Além do que, muitas vezes, temos que ficar de olho na tela do computador para atestar algum problema na impressora. Se tivesse um painel eletrônico, bastava olhar no visor da própria impressora.

 

Fora a folha A4, a impressora também pode imprimir A5, A6, B5, Carta, Meia Carta, envelopes, C6, DL e papeis fotográficos. 

A L375 pouco mudou desde sua última versão. Mesmo em seu design, que continua sóbrio e predominante preto, com poucos detalhes em branco. Se olharmos bem, apenas o seu tanque de tinta é que foi alterado e está colocado na lateral da impressora, aumentando sua altura. Agora, a impressora conta com 48,9 cm de largura, 52,7 cm de comprimento e 29,5 cm de altura.

O tamanho dela é uma das grandes vantagens, Já que mesmo que ele seja reduzido, a L375 é bastante econômica por conta de seus tubos de tinta e, além disso, ela é multifuncional, ou seja, scaneia documentos, faz cópias e, claro, imprime.

Com o cabo USB e o CD de drive, que vêm na caixa com a impressora, você poderá instalar a impressora. Se seu notebook não possui leitor de CD, basta fazer o download do software da impressora no site da EPSON (https://epson.com.br/Suporte/Impressoras/Impressoras-multifuncionais/Epson-L/Epson-EcoTank-L375/s/SPT_C11CE92301).

Feito isso, siga os passos indicados na instalação. Você poderá já configurar a impressora na rede Wi-Fi, mas se preferir, use o cabo USB para agilizar o processo. Contudo, no nosso caso, instalamos a impressora pelo cabo USB, mas quando tentamos configurar o Wi-FI tivemos que baixar outra vez o software. Por isso, a nossa recomendação é que já instale com o Wi-Fi, para que esse problema não venha a ocorrer.

No que diz respeito ao desempenho da L375, a impressora é capaz de imprimir 25 páginas de texto em pouco mais de 4 minutos, uma média de 6 páginas por minuto. Já nas páginas coloridas, em resolução normal, a impressora levou 30 segundos para imprimir uma foto, uma velocidade bastante alta para esse porte.

Já nas resoluções máximas, as imagens coloridas levam muito mais tempo e utilizam muito mais tinta, mas, em contrapartida, secam bem rapidamente e não ficam com cheiro.  

Na usabilidade, o visor digital faz falta, principalmente para fazer cópias, já que nesses casos será necessário apertar o botão de copiar o número de vezes que deseja copiar o documento. Além do que, muitas vezes, temos que ficar de olho na tela do computador para atestar algum problema na impressora. Se tivesse um painel eletrônico, bastava olhar no visor da própria impressora.

 

Fora a folha A4, a impressora também pode imprimir A5, A6, B5, Carta, Meia Carta, envelopes, C6, DL e papeis fotográficos. 

App iPrint e Scaner

Para utilizar a impressora via smartphone é necessário o app da Epson disponibilizado para iOS e Android, o iPrint. Nele você poderá imprimir fotografias que estão no celular, documentos salvos na nuvem (Google Drive, Cloud, Dropbox) e também os que estão salvo no próprio aparelho, também imprimir páginas da web e digitalizar conteúdos utilizando a scaner. Você pode, inclusive, comprar a tinta pelo app.

Parece complexo, mas o menu é bastante intuitivo. As funções estão bem separadas e basta seguir os passos para executá-las. A atualização do app da EPSON corrigiu o visual rústico e os erros de português, sendo que agora é uma aplicação bem completa.

As configurações de impressão são basicamente as mesmas em relação aos desktops. Apenas notamos que não é possível imprimir as fotos em alta resolução, apenas em resolução “normal”, que não é ruim, mas o app poderia oferecer esse recurso.

A área máxima de digitalização continua sendo a mesma da geração anterior: 29,7 cm por 21,6 cm. E o software também é o mesmo, com os quatro modos já conhecidos: automático, casa, escritório e profissional, sendo que todos podem sofrer alterações do usuário, mas cada um possui uma função. Por exemplo, no modo casa já vem pré-definido para salvar o arquivo em JPEG em até 4800 dpi. O Profissional, por sua vez, possibilita o ajuste de partes mais complexas, como o histograma, quantidade de magenta/ciano/amarelo/preto e pode digitalizar em 9600 dpi. Já o modo Escritório imprime em 1200 dpi e já é pré-definido para salvar em PDF. O Automático imprime com resolução de 300 dpi, que é normal para impressoras residenciais.

 

Com o software, é possível digitalizar em preto/escala de cinza/cor, fazer ajustes de contraste e brilho, tirar ondulações, remover poeira, etc. O produto também vem com OCR, com o qual é possível editar os arquivos digitalizados — para isso, é preciso uma resolução mínima de 400 dpi. 

Para utilizar a impressora via smartphone é necessário o app da Epson disponibilizado para iOS e Android, o iPrint. Nele você poderá imprimir fotografias que estão no celular, documentos salvos na nuvem (Google Drive, Cloud, Dropbox) e também os que estão salvo no próprio aparelho, também imprimir páginas da web e digitalizar conteúdos utilizando a scaner. Você pode, inclusive, comprar a tinta pelo app.

Parece complexo, mas o menu é bastante intuitivo. As funções estão bem separadas e basta seguir os passos para executá-las. A atualização do app da EPSON corrigiu o visual rústico e os erros de português, sendo que agora é uma aplicação bem completa.

As configurações de impressão são basicamente as mesmas em relação aos desktops. Apenas notamos que não é possível imprimir as fotos em alta resolução, apenas em resolução “normal”, que não é ruim, mas o app poderia oferecer esse recurso.

A área máxima de digitalização continua sendo a mesma da geração anterior: 29,7 cm por 21,6 cm. E o software também é o mesmo, com os quatro modos já conhecidos: automático, casa, escritório e profissional, sendo que todos podem sofrer alterações do usuário, mas cada um possui uma função. Por exemplo, no modo casa já vem pré-definido para salvar o arquivo em JPEG em até 4800 dpi. O Profissional, por sua vez, possibilita o ajuste de partes mais complexas, como o histograma, quantidade de magenta/ciano/amarelo/preto e pode digitalizar em 9600 dpi. Já o modo Escritório imprime em 1200 dpi e já é pré-definido para salvar em PDF. O Automático imprime com resolução de 300 dpi, que é normal para impressoras residenciais.

 

Com o software, é possível digitalizar em preto/escala de cinza/cor, fazer ajustes de contraste e brilho, tirar ondulações, remover poeira, etc. O produto também vem com OCR, com o qual é possível editar os arquivos digitalizados — para isso, é preciso uma resolução mínima de 400 dpi. 

Como abastecer a impressora

Antes do nosso pequeno tutorial de como reabastecer a sua multifuncional, devemos esclarecer as reais diferenças da utilização dos convencionais cartuchos para os tubos de tinta.

Numericamente, a tinta se mostra muito mais econômica. Enquanto um cartucho possui 2 ml de capacidade e imprime cerca de 100 páginas de texto, o tubo de tinta possui 70 ml, isto é, 35 vezes mais espaço do que o cartucho, e imprime, segundo a Epson, mais de 4500 páginas em texto. Mesmo que não tenhamos como atestar esse número fornecido pela Epson, não há como negar que os tanques de tinta possuem muito mais espaço.

Entretanto, é bom alertar que, após retirar o lacre dos tubos, eles possuem apenas 6 meses de vida útil. Por isso esse produto é voltado mais para quem possui pequenas empresas ou que utiliza a impressora com certa frequência, mesmo dentro de casa.

Na caixa da L375 já vem 4 tubos de tinta: preto, ciano, amarelo e magenta. O tanque, ou o local onde você deverá despejar elas, fica acoplado do lado direito da impressora. Lembre-se que você deve colocar todo o conteúdo de uma só vez, então certifique-se que não reste nada no tubo ou no tanque. Ah, e a impressora deve estar desligada.

Antes de tudo, use luvas descartáveis e coloque papel toalha embaixo da impressora. A EPSON recomenda o uso desses dois produtos

1. No novo modelo não é necessário desencaixar o tanque ou mexê-lo, basta abrir a tampa da cor que você irá preencher. Não aperte os tubos com força, ou você irá fazer uma verdadeira bagunça.

 

2. Depois de despejar todo o conteúdo do tubo no tanque, feche a garrafa e o compartimento da impressora. Feche a garrafa e o tanque.

 

Após o processo, basta apertar o botão “cancelar” para que a impressora carregue a tinta. Isso deve demorar 20 minutos e uma parte da tinta vai para o cabeçote, fazendo com que essas primeiras garrafas durem um pouco menos. 

Antes do nosso pequeno tutorial de como reabastecer a sua multifuncional, devemos esclarecer as reais diferenças da utilização dos convencionais cartuchos para os tubos de tinta.

Numericamente, a tinta se mostra muito mais econômica. Enquanto um cartucho possui 2 ml de capacidade e imprime cerca de 100 páginas de texto, o tubo de tinta possui 70 ml, isto é, 35 vezes mais espaço do que o cartucho, e imprime, segundo a Epson, mais de 4500 páginas em texto. Mesmo que não tenhamos como atestar esse número fornecido pela Epson, não há como negar que os tanques de tinta possuem muito mais espaço.

Entretanto, é bom alertar que, após retirar o lacre dos tubos, eles possuem apenas 6 meses de vida útil. Por isso esse produto é voltado mais para quem possui pequenas empresas ou que utiliza a impressora com certa frequência, mesmo dentro de casa.

Na caixa da L375 já vem 4 tubos de tinta: preto, ciano, amarelo e magenta. O tanque, ou o local onde você deverá despejar elas, fica acoplado do lado direito da impressora. Lembre-se que você deve colocar todo o conteúdo de uma só vez, então certifique-se que não reste nada no tubo ou no tanque. Ah, e a impressora deve estar desligada.

Antes de tudo, use luvas descartáveis e coloque papel toalha embaixo da impressora. A EPSON recomenda o uso desses dois produtos

1. No novo modelo não é necessário desencaixar o tanque ou mexê-lo, basta abrir a tampa da cor que você irá preencher. Não aperte os tubos com força, ou você irá fazer uma verdadeira bagunça.

 

2. Depois de despejar todo o conteúdo do tubo no tanque, feche a garrafa e o compartimento da impressora. Feche a garrafa e o tanque.

 

Após o processo, basta apertar o botão “cancelar” para que a impressora carregue a tinta. Isso deve demorar 20 minutos e uma parte da tinta vai para o cabeçote, fazendo com que essas primeiras garrafas durem um pouco menos. 

Conclusão

A Epson L375 não traz mudanças impressionantes da geração anterior. O que mudou realmente foi o melhor aproveitamento do tanque de tinta, já que nessa versão podem ser impressas 4500 páginas de texto, e o posicionamento do tanque de tinta, que agora está mais vertical, facilitando a troca de tubos de tinta.

Agora, se você não conhece as EcoTank, elas são voltadas para quem imprime com boa frequência, pois, acontece que os tubos de tinta ao mesmo tempo que são mais econômicos e rendem muito mais que os cartuchos convencionais, eles também secam depois de certo tempo.

 

Então, as EcoTank podem substituir as grandes impressoras de uma empresa ou até servir para lares que imprimem com mais frequência, pela economia e também pelos recursos, já que ela é multifuncional e possui conexão Wi-Fi, até mesmo com os smartphones, pelo app iPrint. 

Matérias Relacionadas
8/10Recomendo este produto
10/10Recomendo este produto
10/10Recomendo este produto
10/10Recomendo este produto
2/10Não recomendo este produto
Avaliação Geral91%Recomendam a compra
8/10Baseado em 137 avaliações
Aspectos Positivos
  • Design
  • Custo-Benefício
  • Qualidade de Impressão
  • Funções e Características
  • Facilidade de Uso
  • Compatibilidade
Aspectos Negativos
  • Manutenção
Enviar sua Avaliação