Ative seu cashback
Entrar

Odisséia - Edição Bilíngue - Homero - 9788573264685

O preço está bom

Abaixo ou igual a média dos últimos 40 dias.

O valor médio é de R$ 69,97

Compare preços em 2 lojas

Ordenar por

Detalhes do produto Odisséia - Edição Bilíngue - Homero - 9788573264685

Detalhes do produto

Informações Básicas

ISBN9788573264685
ISBN-108573264683
TítuloOdisséia - Edição Bilíngue
AutorHomero
EditoraEditora 34
GêneroLiteratura EstrangeiraPoesia
Ver ficha técnica completa
Detalhes do produto

Informações Básicas

ISBN9788573264685
ISBN-108573264683
TítuloOdisséia - Edição Bilíngue
AutorHomero
EditoraEditora 34
GêneroLiteratura EstrangeiraPoesia

Avaliação dos usuários

4.7

494 avaliações

Exibimos as avaliações mais relevantes da Amazon

Odisséia Tradução de Trajano Vieira

Recomendo

Apesar na descrição aparecer como capa dura, o produto é capa comum. Porém o acabamento é de boa qualidade. O papel Pólen Soft 70 g/m2 é bem macio e não acumula sujeira (como aquele papel da editora record); papel um pouco fino, acho que pela qualidade da fibra ele parece resistir ao tempo; a cor creme "refresca" os olhos. A fonte é pequena, todavia confortável. O único defeito que achei foi a lombada: ela aparenta que irá se deformar com facilidade durante a leitura - isso não impede que o livro seja muito bom e bonito! Se tivesse uma capa dura seria extremamente perfeito! Sobre Homero e a Odisséia... bem, só os deuses do olimpo sabem o quanto eu amo esse manjar. Como ainda não conheço essa tradução, espero que Trajano Vieira me proporcione uma boa degustação dos versos homéricos.

Wallace Fábian

A Origem do pensamento Ocidental

Recomendo

Conhecer a Guerra de Troia é conhecer não apenas um ponto na historiografia ocidental, mas sobretudo um momento contínuo que se inicia com a Guerra propriamente dita, e se prolonga no imaginário Europeu ao longo dos séculos com os diversos desdobramentos literários que dali surgiram (inicialmente como Ésquilo, Sófocles e Eurípides) que fundamentaram o legado que a cultura grega nos deixou. Tal qual a história da Guerra de Troia é dividia em dois livros (Ilíada e Odisseia), a própria Odisseia poderia ser assim dividida entre a viagem de Odisseu até Ítaca e os seus desafios para retomar o seu lar. 20 anos se passaram, 10 durante a batalha e 10 durante o exílio imposto a Odisseu, até que nos encontremos no objeto da Odisseia: a piedade que por ele Atenas sente, solicitando a Zeus que liberta-se ele dos ataques que ele sofria de Poseidon. Odisseu cumpre a maior parte do seu exílio junto a Calipso, uma mulher que o aprisiona desejando casar-se com ele. Hermes a convence a libertar Odisseu, e o fornece a Molly, uma planta para protegê-lo da Feitiçaria de Circe, a quem vai resgatar Gregos. Após o resgate, e o oferecimento de Circe do ardil que o protegerá do Canto das Sereias, Odisseu finalmente inicia o seu retorno a Ítaca. O personagem passará por diversas provações, inclusive dentro de sua própria morada, até conseguir retomar aquilo que era a sua vida anterior a Guerra: sua fiel esposa Penélope, seus bens e poder político. A leitura da Odisseia torna-se mais completa após conhecermos os seus desdobramentos na Tragédia Grega, que nos fornece mais detalhes sobre personagens que são frequentemente citados: Agamenon e a vingança de seu filho, Oreste; Filoctetes; dentre outros. Um clássico a ser relido de tempos em tempos.

Mario Miranda

Máquina do tempo

Recomendo

É um livro que nos dá hoje o formato da cultura grega da época, seus costumes, suas crenças. Há passagens belas, que falam sobre sacrifícios, artimanhas, traições. Gostei muito da tradução dessa edição — na verdade, estou gostando; ainda não o li por completo — que apresenta um texto fluente , claro e bonito. Destaque para os textos de apoio, que apresentam a obra, e sugiro serem lidos antes do poema. Pretendo ler a Ilíada na mesma tradução, e depois ler os dois poemas na tradução de Carlos Alberto Nunes. E, detalhe que não pode ficar de lado, o livro — fisicamente falando — é também muito bonito, com colagens bonitas e boa diagramação.

Daniel Carlos

Um dos maiores clássicos da literatura!

Recomendo

Um dos maiores clássicos da literatura ocidental, um dos poemas mais importantes já escritos, parte do cânone ocidental - as obras artísticas mais importantes e influenciais da história e fundamentais na construção da chamada "alta cultura". Essa obra é indispensável para todos que se interessam por literatura e poesia, ou desejam possuir uma parcela do conhecimento que é considerado canônico. O substantivo odisseia é originário dessa obra, e significante da jornada épica de regresso de Odisseu a sua terra natal: Ítaca. São incontáveis as adaptações em diferentes mídias e influências dessa obra na cultura humana, chegando até mesmo a ultrapassar as fronteiras da civilização ocidental. Essa edição é belíssima, com capa dura, qualidade gráfica de primeira (incluindo arte original) e uma tradução original do grego homérico.

guilherme g. de a. fonseca