O Moto G71 é o novo intermediário da Motorola para quem busca um aparelho já com suporte às redes 5G. Ele não sucede nenhum outro aparelho da linha Moto G. É indicado para tarefas do dia a dia, sejam redes sociais, aplicativos mensageiros e até alguns jogos. Aqui no Brasil, é vendido em duas cores diferentes. São elas: verde e azul.

Entre os destaques do celular temos o suporte às redes 5G, tela com resolução Full HD e bateria duradoura, para até 30 horas de autonomia. O Moto G71 também traz conjunto triplo de câmeras e é vendido em versão de 128 GB de armazenamento interno. O aparelho chega no Brasil por um valor sugerido de R$ 2.699.

Veja abaixo mais detalhes sobre o Moto G71 e confira se vale a pena investir no celular intermediário da Motorola.

Design simples com acabamento em plástico

Design do Moto G71 (Foto: Divulgação/Motorola)

Assim como boa parte dos aparelhos Motorola, o Moto G71 tem um visual bonito, porém simples e sem nenhum destaque. A empresa optou por um acabamento em plástico, cuja aparência até lembra a de celulares com chassi de vidro. O G71 é vendido em duas cores aqui no Brasil: verde e azul.

A pintura é toda lisa na parte traseira, e as câmeras ficam alocadas verticalmente em um módulo retangular. Além disso, o celular possui um sensor biométrico camuflado com a logo M (Motorola), algo que já se tornou assinatura nos celulares da fabricante.

Na parte frontal, a tela possui bordas finas e um pequeno furo para alocar a câmera de selfies.

Tela com painel OLED e resolução Full HD é um dos destaques

O Moto G71 possui tela OLED Full HD (Foto: Divulgação/Motorola)

O Moto G71 possui uma tela de 6,4 polegadas com tecnologia AMOLED, que garante cores mais vívidas, brilho alto e um ótimo contraste de preto nas imagens. O tamanho deve agradar quem busca celulares com um tamanho que esteja na média do mercado, mas sem exageros.

A proporção 20:9 o deixa um pouco mais esticado. Isso favorece a experiência na hora de assistir vídeos e até mesmo no quesito ergonomia. Para completar, temos a resolução Full HD+, para imagens em alta resolução.

Desempenho do Moto G71 é bom para o dia a dia

O Moto G71 usa o processador Snapdragon 695 5G, um chip octa-core que alcança até 2,2 GHz. Como o próprio nome já revela, tem suporte às redes 5G. Ele é um modelo intermediário, mas com potência o suficiente para rodar boa parte dos jogos e apps do dia a dia sem problemas de travamento.

A versão vendida aqui no Brasil possui 6 GB de memória RAM e 128 GB de armazenamento interno. Ele tem espaço para cartão de memória caso o usuário queira aumentar o armazenamento. O celular da Motorola chega com o Android 11 instalado de fábrica.

Câmeras captam um bom nível de detalhes

Conjunto triplo de câmeras do Moto G71 (Foto: Divulgação/Motorola)

Na parte traseira, o Moto G71 possui três câmeras. A principal tem 50 MP e abertura f/1.8; a secundária é uma híbrida e tem 8 MP, funcionando como ultra-wide e sensor de profundidade; a terceira tem 2 MP e lente macro, para foco em objetos que estejam muito próximos à câmera. O celular ainda tem zoom digital de 8 vezes e Flash integrado.

Com esse conjunto triplo, a Motorola busca juntar versatilidade com boa qualidade de fotos no Moto G71. Ele usa a tecnologia quad-pixel, que une quatro pixels em um para deixar as fotos com uma riqueza de detalhes ainda maior. Isso também dá ao Moto G71 mais sensibilidade em situações de pouca luz.

Na parte frontal a câmera tem 16 MP e faz selfies com o modo retrato, aquele que desfoca o fundo. Um ponto negativo para quem gosta de gravar vídeos é que o Moto G71 só faz gravações em Full HD, seja com a câmera traseira ou com a frontal.

Bateria do Moto G71 dura até 30 horas

Nos últimos anos, a Motorola deu uma atenção especial para a bateria dos seus aparelhos, e com o Moto G71 não é diferente. Ele possui um módulo de 5.000 mAh e autonomia para até 30 horas de uso, de acordo com a própria fabricante. Também é válido destacar o carregamento turbo de 30W, que carrega metade da bateria em 30 minutos.

Ficha técnica do Moto G71

  • Tamanho da tela: 6,4 polegadas
  • Resolução da tela: Full HD+ (2.400 x 1080 pixels)
  • Painel da tela: OLED
  • Câmera principal: 50 MP + híbrida ultra-wide e profundidade 13 MP + macero de 2 MP
  • Câmera frontal: 16 MP
  • Sistema: Android 11
  • Processador: Snapdragon 695 5G
  • Memória RAM: 6 GB
  • Armazenamento: 128 GB
  • Cartão de memória: sim
  • Capacidade da bateria: 5.000 mAh, com carregamento rápido de 30W
  • Dual SIM
  • Peso: 179 gramas
  • Cores: azul e verde
  • Lançamento: novembro de 2021

Moto G71: preço e custo-benefício

O Moto G71 foi lançado no Brasil pelo valor de R$ 2.699, mas é esperado que esse preço caia quando o aparelho chegar ao estoque de grandes varejistas do país. Por esse valor o custo-benefício do Moto G71 não é bom, já que temos várias outras opções de celulares mais potentes e consideravelmente mais baratos.

Se você ficou interessado no G71, vale a pena esperar mais um pouco até o seu valor cair, mas se precisar de um celular urgentemente, recomendamos o Moto G60. É um aparelho com ficha técnica mais potente e custando R$ 1000 mais barato que o Moto G71*.

*Considerando os valores de lançamento e coletados no dia 11 de janeiro, que podem sofrer alterações diáriasVocê também pode dar uma olhada na nossa lista de celulares bons e baratos da Motorola. Também preparamos uma seleção de celulares já testados aqui, além de reviews completos do Moto G200 e Moto G10.

Leia mais sobreCelular+