Ative o Buscapé te Protege GRÁTIS. Suas compras protegidas em até R$ 5mil pelo Buscapé te Protege.

Informações Básicas
TipoSmartphone
MarcaLenovo
ModeloVibe A7010
ChipsDual Chip
CoresBranco, Preto
Câmera
Câmera Traseira13.0 Megapixels
Funções da CâmeraFilma em Full HD, Flash, Foco Automático, Zoom de 3x
Câmera Frontal5.0 Megapixels Frontal
Tela
Tamanho da Tela5.5 polegadas
Tipo de TelaIPS LCD
Resolução1920 x 1080 Pixels
DefiniçãoFull HD
Hardware
ProcessadorMediaTek MT6752
NúcleosOcta-Core (8 Núcleos)
Velocidade do Processador1.3 GHz
Memória Interna32 GB
Memória RAM2 GB RAM
EntradasFone de Ouvido, MicroSD
Software
Sistema OperacionalAndroid
VersãoLollipop
Características e Conectividade
Internet4G, Wi-Fi
RecursosBluetooth 4.0, MP3 Player, Rádio, Sensor de Impressão Digital
Bateria
Bateria3300 mAh
Por Colaborador em 11/12/2015
Lenovo Vibe A7010 veio com forças para brigar no setor intermediário

Além de boa tela e ótima duração de bateria, modelo traz belo design, hardware interessante e leitor de impressão digital, um diferencial para sua categoria

Prós
  • Ótima duração de bateria

  • Bom hardware

  • Tela full HD

  • Leitor de impressão digital

  • Alto-falantes estéreos frontais

Contras
  • Tampa traseira traz marcas de gordura com facilidade

Com forte presença no mercado asiático, a Lenovo finalmente desembarcou no Brasil – e na América Latina - e trouxe seu primeiro lançamento: o Vibe A7010. O smartphone, que segue a linha intermediária, vai complementar o portfólio da companhia, que tem a Motorola – e a sua linha Moto – como um de seus braços no mercado americano. Todas as informações sobre o modelo você confere a seguir.

Com forte presença no mercado asiático, a Lenovo finalmente desembarcou no Brasil – e na América Latina - e trouxe seu primeiro lançamento: o Vibe A7010. O smartphone, que segue a linha intermediária, vai complementar o portfólio da companhia, que tem a Motorola – e a sua linha Moto – como um de seus braços no mercado americano. Todas as informações sobre o modelo você confere a seguir.

Acabamento e tela

Apesar da Lenovo e da Motorola estarem sob o comando da mesma companhia, é possível perceber que praticamente nenhuma característica da linha Moto foi aplicada no Vibe A7010. Seu design é bem bonito e ergonômico, mas ainda com alguns detalhes incômodos: a tampa traseira, por exemplo, aparenta ser frágil e ainda traz marcas de gordura com certa facilidade. Mesmo assim, não são características que o tornam uma má escolha. Pelo contrário, a estética do modelo é bem bonita. E aqui destacamos o entorno, feito de plástico, e que possui uma aparência metalizada que deixa o aparelho muito belo.

A disposição de botões segue os padrões atuais e, junto às dimensões do modelo (são 15,36 cm de altura por 7,65 cm de largura por 9,1 milímetros de espessura), confere boa ergonomia ao usuário, mesmo tendo uma tela de 5.5 polegadas. Portanto, encontramos o botão Power e de ajuste de volume na lateral direita, enquanto a entrada P2 está na parte de cima e a micro USB se localiza na lateral inferior do modelo. Um fato interessante é a presença dos dois alto-falantes acima e abaixo de sua tela. Mas sobre isso falaremos mais adiante. Por fim, seu peso é de 160 gramas.

Abaixo da câmera traseira ainda encontramos um sensor de impressão digital para desbloqueio. O usuário consegue registrar até duas digitais e o desbloqueio é muito rápido e simples. Pela praticidade, ponto positivo para a Lenovo. Além disso, também está disponível na caixa uma capa de acrílico para proteger a traseira do modelo.

O display é, sem dúvidas, um dos pontos altos do modelo. É claro, antes de adquirir o aparelho, saiba que sua tela não é das menores. Com 5.5 polegadas e resolução full HD (1920 x 1080 pixels) – o que resulta em uma densidade de pixels de 403 pontos por polegada -, o Vibe A7010 é uma boa opção para quem quer ir além da navegação por redes sociais e portais e deseja arriscar alguns vídeos e séries durante o dia a dia. O nível de brilho da tela é excelente e não é necessário ajustar muito para ter conforto durante o cotidiano. Além disso, a tela não reflete muito, o que é ponto muito positivo.

Para verificar a experiência do display, rodamos alguns filmes via Netflix. Primeiramente, focamos nas animações, que são um bom parâmetro para analisar o nível de cores oferecido pelo smartphone. Nesse cenário, o usuário certamente ficará satisfeito com os resultados. E essa análise não se restringe a esse tipo de conteúdo. Ao exibir conteúdos mais escuros, por exemplo, o A7010 também se sai bem, mas será necessário deixar a taxa de brilho do display um pouco mais alta.

Apesar da Lenovo e da Motorola estarem sob o comando da mesma companhia, é possível perceber que praticamente nenhuma característica da linha Moto foi aplicada no Vibe A7010. Seu design é bem bonito e ergonômico, mas ainda com alguns detalhes incômodos: a tampa traseira, por exemplo, aparenta ser frágil e ainda traz marcas de gordura com certa facilidade. Mesmo assim, não são características que o tornam uma má escolha. Pelo contrário, a estética do modelo é bem bonita. E aqui destacamos o entorno, feito de plástico, e que possui uma aparência metalizada que deixa o aparelho muito belo.

A disposição de botões segue os padrões atuais e, junto às dimensões do modelo (são 15,36 cm de altura por 7,65 cm de largura por 9,1 milímetros de espessura), confere boa ergonomia ao usuário, mesmo tendo uma tela de 5.5 polegadas. Portanto, encontramos o botão Power e de ajuste de volume na lateral direita, enquanto a entrada P2 está na parte de cima e a micro USB se localiza na lateral inferior do modelo. Um fato interessante é a presença dos dois alto-falantes acima e abaixo de sua tela. Mas sobre isso falaremos mais adiante. Por fim, seu peso é de 160 gramas.

Abaixo da câmera traseira ainda encontramos um sensor de impressão digital para desbloqueio. O usuário consegue registrar até duas digitais e o desbloqueio é muito rápido e simples. Pela praticidade, ponto positivo para a Lenovo. Além disso, também está disponível na caixa uma capa de acrílico para proteger a traseira do modelo.

O display é, sem dúvidas, um dos pontos altos do modelo. É claro, antes de adquirir o aparelho, saiba que sua tela não é das menores. Com 5.5 polegadas e resolução full HD (1920 x 1080 pixels) – o que resulta em uma densidade de pixels de 403 pontos por polegada -, o Vibe A7010 é uma boa opção para quem quer ir além da navegação por redes sociais e portais e deseja arriscar alguns vídeos e séries durante o dia a dia. O nível de brilho da tela é excelente e não é necessário ajustar muito para ter conforto durante o cotidiano. Além disso, a tela não reflete muito, o que é ponto muito positivo.

Para verificar a experiência do display, rodamos alguns filmes via Netflix. Primeiramente, focamos nas animações, que são um bom parâmetro para analisar o nível de cores oferecido pelo smartphone. Nesse cenário, o usuário certamente ficará satisfeito com os resultados. E essa análise não se restringe a esse tipo de conteúdo. Ao exibir conteúdos mais escuros, por exemplo, o A7010 também se sai bem, mas será necessário deixar a taxa de brilho do display um pouco mais alta.

Desempenho e conectividade

Por dentro, o Vibe A7010 conta com um processador Octa-core de 64-bits MediaTek MT6753 de 1.3 GHz, além de memória RAM de 2 GB e GPU Mali T720-MP3. A versão do Android é a 5.1, conhecida como Lollipop. Infelizmente, ainda não se sabe se o modelo será atualizado para o Android 6.0, chamado de Marshmallow.

No geral, a interface do Vibe A7010 não sofreu muitas modificações. Claro, nos primeiros contatos com o aparelho é possível perceber que ele sofreu mais alterações do que os smartphones da Motorola, mas, mesmo assim, não chega a ser compatível com marcas como a Samsung ou a LG, que deixam o sistema operacional bastante alterado. E isso, na prática, é bem positivo. As funções fluem com muita naturalidade e é possível encontrar recursos com facilidade.

O hardware do A7010 é bem interessante – isso é inegável – e é capaz de brigar com aparelhos competitivos da linha intermediária. Mesmo com muitas funções em segundo plano, o aparelho consegue dar fluidez a todas as aplicações que executamos. Para fins de registro, até vimos alguns engasgos durante alguns games, mas foram bem pontuais.

Falando em jogos, a qualidade gráfica foi também outro fator a ser exaltado. Aliado ao bom display do smartphone, as jogatinas foram bem prazerosas e certamente agradarão o usuário que quiser rodar alguns games pesados no modelo, como Asphalt 8 e Modern Combat 5. Claro, para as aplicações mais cotidianas, como redes sociais e navegador, o A7010 não apresenta problemas de execução.

Como é padrão em nossos reviews, ainda rodamos alguns benchmarks, que são softwares criados para fazer uma análise comparativa de aparelhos. Na realidade, cada um deles cria uma bateria de testes próprios que servem para moldar um ranking dos melhores aparelhos. Nesse caso, rodamos três: o 3D Mark, o Antutu e o Quadrant.

No primeiro, a ideia é muito mais relacionada com o desempenho gráfico do modelo. No cenário mais intenso de uso do 3D Mark, o A7010 marcou 4216 pontos. Já no Antutu e o Quadrant, que avaliam o processamento aritmético e gráfico do aparelho, os resultados foram de 35683 e 21583 pontos. Para efeito de comparação, o Moto X Play atingiu 36288 pontos no Antutu.

No quesito conectividade, o modelo possui uma configuração de respeito, mesmo para um smartphone intermediário. Ao todo, o A7010 conta com NFC, Rádio FM, Wi-Fi, Bluetooth 4.0 e GPS. Além disso, possui suporte a dois chips 4G que não funcionam simultaneamente, ou seja, você terá que configurar apenas um dos slots para centralizar o serviço de dados, já que o outro operará em 2G.

Com 32 GB de memória interna, o A7010 ainda dá uma boa margem de uso. Atualmente, o número é suficiente para armazenar muitas fotos, vídeos e aplicativos. Mas caso isso não seja o bastante, o modelo ainda dá suporte a um cartão micro SD de até 128 GB. Ou seja, armazenamento não será um problema.

Por dentro, o Vibe A7010 conta com um processador Octa-core de 64-bits MediaTek MT6753 de 1.3 GHz, além de memória RAM de 2 GB e GPU Mali T720-MP3. A versão do Android é a 5.1, conhecida como Lollipop. Infelizmente, ainda não se sabe se o modelo será atualizado para o Android 6.0, chamado de Marshmallow.

No geral, a interface do Vibe A7010 não sofreu muitas modificações. Claro, nos primeiros contatos com o aparelho é possível perceber que ele sofreu mais alterações do que os smartphones da Motorola, mas, mesmo assim, não chega a ser compatível com marcas como a Samsung ou a LG, que deixam o sistema operacional bastante alterado. E isso, na prática, é bem positivo. As funções fluem com muita naturalidade e é possível encontrar recursos com facilidade.

O hardware do A7010 é bem interessante – isso é inegável – e é capaz de brigar com aparelhos competitivos da linha intermediária. Mesmo com muitas funções em segundo plano, o aparelho consegue dar fluidez a todas as aplicações que executamos. Para fins de registro, até vimos alguns engasgos durante alguns games, mas foram bem pontuais.

Falando em jogos, a qualidade gráfica foi também outro fator a ser exaltado. Aliado ao bom display do smartphone, as jogatinas foram bem prazerosas e certamente agradarão o usuário que quiser rodar alguns games pesados no modelo, como Asphalt 8 e Modern Combat 5. Claro, para as aplicações mais cotidianas, como redes sociais e navegador, o A7010 não apresenta problemas de execução.

Como é padrão em nossos reviews, ainda rodamos alguns benchmarks, que são softwares criados para fazer uma análise comparativa de aparelhos. Na realidade, cada um deles cria uma bateria de testes próprios que servem para moldar um ranking dos melhores aparelhos. Nesse caso, rodamos três: o 3D Mark, o Antutu e o Quadrant.

No primeiro, a ideia é muito mais relacionada com o desempenho gráfico do modelo. No cenário mais intenso de uso do 3D Mark, o A7010 marcou 4216 pontos. Já no Antutu e o Quadrant, que avaliam o processamento aritmético e gráfico do aparelho, os resultados foram de 35683 e 21583 pontos. Para efeito de comparação, o Moto X Play atingiu 36288 pontos no Antutu.

No quesito conectividade, o modelo possui uma configuração de respeito, mesmo para um smartphone intermediário. Ao todo, o A7010 conta com NFC, Rádio FM, Wi-Fi, Bluetooth 4.0 e GPS. Além disso, possui suporte a dois chips 4G que não funcionam simultaneamente, ou seja, você terá que configurar apenas um dos slots para centralizar o serviço de dados, já que o outro operará em 2G.

Com 32 GB de memória interna, o A7010 ainda dá uma boa margem de uso. Atualmente, o número é suficiente para armazenar muitas fotos, vídeos e aplicativos. Mas caso isso não seja o bastante, o modelo ainda dá suporte a um cartão micro SD de até 128 GB. Ou seja, armazenamento não será um problema.

Câmeras e bateria

Já as câmeras são mais condizentes com a categoria intermediária. Ou seja, no A7010 encontramos o velho conjunto formado pela principal com 13 MP e a secundária de 5 MP. Na câmera traseira, estão disponíveis alguns recursos como HDR, foto panorâmica, além da presença do flash LED duplo. Vale ainda ressaltar que a câmera de trás filma em resolução full HD, assim como a frontal, que conta com o recurso V-Selfie. Com isso, basta fazer um sinal “V” com os dedos que a contagem para o disparo será inicializada.

Mas vamos aos resultados. No geral, a fórmula é bem parecida com a média da categoria, ou seja, em ambientes abertos e bem iluminados, as fotos e vídeos ficam com boa qualidade. Já em locais fechados, as produções ficam mais limitadas, com ruídos presentes, mas isso já é algo esperado para um smartphone intermediário.

Aliás, essa não é a maior de nossas críticas nesse quesito. O que mais foi sentido foi a falta de opções de manipulação das fotos. O software da câmera é muito básico e traz, além dos recursos, apenas uma opção para colocar filtros na foto. Ponto negativo para a Lenovo.

Por outro lado, o sistema de áudio é acima da média. Com dois alto-falantes estéreos frontais, o sistema é capaz de trazer qualidade ao usuário. Além da boa definição de graves e agudos, o smartphone também conta com o Dolby ATMOS, um software próprio para fazer alterações no áudio. Ele é bem intuitivo e simples, ou seja, oferece algumas opções de ajuste de acordo com o conteúdo transmitido, como filmes e músicas, e traz bons resultados.

O ponto negativo fica por conta do fone de ouvido, que é do tipo intra auricular. Ele até quebra um galho quando não há outras opções, mas sua qualidade é um pouco limitada. Os graves não se fazem tão presentes e a sensação de imersão no áudio é ruim.

Como de costume, fizemos nosso teste padrão para a bateria do A7010, que possui 3300 mAh. Retiramos o aparelho da tomada pela manhã e realizamos uma série de tarefas. Na primeira bateria de testes, tiramos 10 fotos e fizemos um pequeno vídeo de 5 minutos. Após isso, visualizamos os resultados por 15 minutos. Em seguida, navegamos por redes sociais por cerca de 3 horas, fizemos ligações por mais 30 minutos, rodamos por GPS por meia hora e jogamos por mais 20 minutos. Para finalizar, exibimos vídeos no YouTube por 10 minutos e ouvimos algumas músicas por 1 hora. Ao fim do período, restavam 34% de bateria, uma bela marca, capaz de aguentar um dia de uso intenso. 

Já as câmeras são mais condizentes com a categoria intermediária. Ou seja, no A7010 encontramos o velho conjunto formado pela principal com 13 MP e a secundária de 5 MP. Na câmera traseira, estão disponíveis alguns recursos como HDR, foto panorâmica, além da presença do flash LED duplo. Vale ainda ressaltar que a câmera de trás filma em resolução full HD, assim como a frontal, que conta com o recurso V-Selfie. Com isso, basta fazer um sinal “V” com os dedos que a contagem para o disparo será inicializada.

Mas vamos aos resultados. No geral, a fórmula é bem parecida com a média da categoria, ou seja, em ambientes abertos e bem iluminados, as fotos e vídeos ficam com boa qualidade. Já em locais fechados, as produções ficam mais limitadas, com ruídos presentes, mas isso já é algo esperado para um smartphone intermediário.

Aliás, essa não é a maior de nossas críticas nesse quesito. O que mais foi sentido foi a falta de opções de manipulação das fotos. O software da câmera é muito básico e traz, além dos recursos, apenas uma opção para colocar filtros na foto. Ponto negativo para a Lenovo.

Por outro lado, o sistema de áudio é acima da média. Com dois alto-falantes estéreos frontais, o sistema é capaz de trazer qualidade ao usuário. Além da boa definição de graves e agudos, o smartphone também conta com o Dolby ATMOS, um software próprio para fazer alterações no áudio. Ele é bem intuitivo e simples, ou seja, oferece algumas opções de ajuste de acordo com o conteúdo transmitido, como filmes e músicas, e traz bons resultados.

O ponto negativo fica por conta do fone de ouvido, que é do tipo intra auricular. Ele até quebra um galho quando não há outras opções, mas sua qualidade é um pouco limitada. Os graves não se fazem tão presentes e a sensação de imersão no áudio é ruim.

Como de costume, fizemos nosso teste padrão para a bateria do A7010, que possui 3300 mAh. Retiramos o aparelho da tomada pela manhã e realizamos uma série de tarefas. Na primeira bateria de testes, tiramos 10 fotos e fizemos um pequeno vídeo de 5 minutos. Após isso, visualizamos os resultados por 15 minutos. Em seguida, navegamos por redes sociais por cerca de 3 horas, fizemos ligações por mais 30 minutos, rodamos por GPS por meia hora e jogamos por mais 20 minutos. Para finalizar, exibimos vídeos no YouTube por 10 minutos e ouvimos algumas músicas por 1 hora. Ao fim do período, restavam 34% de bateria, uma bela marca, capaz de aguentar um dia de uso intenso. 

Conclusão

A espera pela entrada da Lenovo no mercado brasileiro realmente valeu a pena. O Vibe A7010 chegou para ser um smartphone competitivo por apresentar um ótimo conjunto. Além da tela full HD e da ótima duração de bateria, o A7010 ainda conta com um hardware capaz de rodar tarefas cotidianas com facilidade e ainda arriscar alguns jogos com gráficos mais complexos. De sobra, o modelo ainda traz um leitor de digitais e alto-falantes estéreos frontais. Portanto, se você procurar um smartphone que vá um pouco além do uso básico mas que não traz recursos premium, o A7010 pode ser um forte candidato.

Matérias Relacionadas
10/10 Recomendo
8/10 Recomendo
10/10 Recomendo
10/10 Recomendo
10/10 Recomendo
Avaliação Geral93%Recomendam a compra
9/10Baseado em 72 avaliações
Aspectos Positivos
  • Custo-Benefício
  • Display
  • Facilidade de Uso
  • Design
  • Funções e Características
  • Duração da Bateria
  • Durabilidade
  • Câmera
Pontos de Atenção
  • Som
Enviar sua Avaliação