Ative o Buscapé te Protege GRÁTIS. Suas compras protegidas em até R$ 5mil pelo Buscapé te Protege.

Smart TV 4K Ultra HD LG OLED 65 polegadas 65E6P
Ícone de Favorito

Produto Indisponível

Avise-me quando chegar
Informações Básicas
TipoSmart TV
Definição4K Ultra HD
MarcaLG
Modelo65E6P
Tam. da Tela65 polegadas
Tipo de TelaOLED
Tela
Resolução de Imagem3840 x 2160 Pixel
Frequência120 Hz
Recursos e Conexões
Tecnologia3D, Dolby Vision, Miracast, Time Machine II, WiDi
FunçõesAjuste de Temperatura de Cor, Closed Caption, Mudo, Relógio, Simplink, Zoom
AplicativosNetflix
Sistema OperacionalWebOS
Entradas HDMI4 Entradas HDMI
ConexõesWi-Fi
Sistema de CorNTSC, PAL-M/N, SBTVD
Potência de saída40 W
Sistema de SomEstéreo, Harman Kardon, Ultra Surround
Energia
Tipo de VoltagemBivolt
Voltagem100V / 200V V
Consumo de Energia430 W
Consumo Stand-by1 W
Dimensões
Largura1461 mm
Altura893 mm
Profundidade69 mm
Peso22,8 Kg
Largura com Base1461 mm
Altura com Base894 mm
Profundidade com Base200 mm
Peso com Base24,8 Kg
Por Colaborador em 23/11/2016
TV da LG é a referência em qualidade de imagens atualmente

Com tela de 65 polegadas, modelo traz um excelente painel com tecnologia OLED, que confere imagens com ótimos níveis de cor e contraste

Prós
  • Excelente qualidade de imagens

  • Alto-falantes potentes

  • Ótimo sistema WebOS 3.0

  • Controle remoto confortável

  • Conexões de sobra

     

Contras
  • Não há pontos negativos de destaque

Os televisores de OLED são, hoje, os queridinhos quando o assunto é qualidade de imagens. Devido a uma dinâmica própria dos seus painéis, os níveis de contraste e cor dificilmente são atingidos por outras tecnologias, como LED ou LCD. Nesse review, testamos o modelo OLED65E6P, da LG, que conta com essa tecnologia. Será que ele realmente atende às expectativas? Confira nos parágrafos a seguir.

Os televisores de OLED são, hoje, os queridinhos quando o assunto é qualidade de imagens. Devido a uma dinâmica própria dos seus painéis, os níveis de contraste e cor dificilmente são atingidos por outras tecnologias, como LED ou LCD. Nesse review, testamos o modelo OLED65E6P, da LG, que conta com essa tecnologia. Será que ele realmente atende às expectativas? Confira nos parágrafos a seguir.

Acabamento, conexões e som

Não é apenas o painel OLED que chama a atenção do modelo de 65 polegadas da LG. Por fora, a TV da fabricante sul-coreana também chama a atenção pelo design moderno e diferenciado. Um dos fatores que mais impressionam, por exemplo, são as bordas de vidro que envolvem o grande painel de 65 polegadas do modelo, o que parece ser apenas um detalhe, mas que dá todo um charme diferenciado ao televisor.

Além disso, é difícil não se impressionar pela espessura da TV, de apenas 6,9 cm. Já sua altura é de 89,3 cm, enquanto a largura é de 141,61 cm. Portanto, é bom pensar bem no espaço físico que você terá em casa antes de colocar a televisão, já que ela não é uma das menores do mercado. Apesar disso, o aproveitamento do painel é bem grande, graças às bordas bem discretas que o modelo possui. Seu peso é de 24,8 kg, sem considerar a base. Com a peça, o valor sobe para 24,8 kg.

Ainda na questão estética da TV, o modelo E6P também traz uma série de linhas horizontais na parte de baixo, onde também se localiza seu sistema sonoro poderoso, produzido em parceria com a Harman Kardon. Apesar de o design, no geral, ser um critério mais subjetivo, essa escolha da LG foi bem assertiva, já que o televisor ficou com um aspecto moderno e também trouxe o diferencial dos alto-falantes potentes.

Quanto às conexões, o modelo E6P traz tudo aquilo que você vai precisar, com 4 entradas HDMI, 3 USB, vídeo componente, vídeo composto, interface de rede Ethernet (LAN), além de saída de áudio digital óptica, 2 coaxiais e saída para fone de ouvido. O interessante é que tanto as 4 entradas HDMI quanto as 3 USB estão voltadas para a lateral do modelo, o que facilita bastante na hora de conectar e desconectar os aparelhos à TV. O restante das conexões, no entanto, estão voltadas para a traseira.

 

O sistema de som, como dissemos, é derivado de uma parceria com a Harman Kardon e conta, ao todo, com 40 W de potência, um número acima da média para os televisores. Claro, ele não vai trazer uma sensação de imersão comparável a um home theater ou uma soundbar, mas, mesmo assim, os alto-falantes do modelo E6P fazem um bom trabalho, com boa presença de graves e uma potência de áudio muito boa.

Não é apenas o painel OLED que chama a atenção do modelo de 65 polegadas da LG. Por fora, a TV da fabricante sul-coreana também chama a atenção pelo design moderno e diferenciado. Um dos fatores que mais impressionam, por exemplo, são as bordas de vidro que envolvem o grande painel de 65 polegadas do modelo, o que parece ser apenas um detalhe, mas que dá todo um charme diferenciado ao televisor.

Além disso, é difícil não se impressionar pela espessura da TV, de apenas 6,9 cm. Já sua altura é de 89,3 cm, enquanto a largura é de 141,61 cm. Portanto, é bom pensar bem no espaço físico que você terá em casa antes de colocar a televisão, já que ela não é uma das menores do mercado. Apesar disso, o aproveitamento do painel é bem grande, graças às bordas bem discretas que o modelo possui. Seu peso é de 24,8 kg, sem considerar a base. Com a peça, o valor sobe para 24,8 kg.

Ainda na questão estética da TV, o modelo E6P também traz uma série de linhas horizontais na parte de baixo, onde também se localiza seu sistema sonoro poderoso, produzido em parceria com a Harman Kardon. Apesar de o design, no geral, ser um critério mais subjetivo, essa escolha da LG foi bem assertiva, já que o televisor ficou com um aspecto moderno e também trouxe o diferencial dos alto-falantes potentes.

Quanto às conexões, o modelo E6P traz tudo aquilo que você vai precisar, com 4 entradas HDMI, 3 USB, vídeo componente, vídeo composto, interface de rede Ethernet (LAN), além de saída de áudio digital óptica, 2 coaxiais e saída para fone de ouvido. O interessante é que tanto as 4 entradas HDMI quanto as 3 USB estão voltadas para a lateral do modelo, o que facilita bastante na hora de conectar e desconectar os aparelhos à TV. O restante das conexões, no entanto, estão voltadas para a traseira.

 

O sistema de som, como dissemos, é derivado de uma parceria com a Harman Kardon e conta, ao todo, com 40 W de potência, um número acima da média para os televisores. Claro, ele não vai trazer uma sensação de imersão comparável a um home theater ou uma soundbar, mas, mesmo assim, os alto-falantes do modelo E6P fazem um bom trabalho, com boa presença de graves e uma potência de áudio muito boa.

Tela

Seu painel conta com 65 polegadas e tecnologia OLED, além de resolução 4K (3840 x 2160 pixels) e 120 Hz de frequência. Isso já é o suficiente para argumentar que não estamos falando sobre uma TV qualquer, mas sim um dos modelos top de linha do mercado.

Um dos principais fatores para isso é, sem dúvidas, o painel OLED, a grande estrela do modelo da LG. Enquanto os modelos LED contam com um painel de luz em sua traseira, os televisores dotados de tecnologia OLED trazem consigo uma tela dotada de pixels com capacidade própria de emitir luz. Em outras palavras, quando não há a necessidade de acendê-los, eles se mantêm totalmente apagados, o que acaba exibindo um preto mais preto, além de melhores cores e taxas de contraste. E isso é a grande vantagem dos televisores de OLED em relação aos convencionais de LED, que inevitavelmente contam com uma escala de preto mais "acinzentada", devido ao painel traseiro que emite luz a todo momento.

Na prática, toda essa tecnologia tem sim seu diferencial e o televisor OLED65E6P traz umas das melhores imagens do mercado. Para atestar isso, rodamos diversos tipos de conteúdo na televisão da LG. Com seriados e filmes de ação, por exemplo, que naturalmente contam com cenas mais escuras, pode-se dizer que o modelo não só se saiu muito bem como se mostrou uma das grandes referências do mercado em termos de contraste.

 

Com jogos, os resultados também foram excelentes. As imagens ficaram com excelente qualidade e os níveis de resposta (o famoso input lag) também foram bem baixos. Ou seja, a TV vai se sair muito bem tanto para jogadores casuais quanto para aqueles que querem qualidade para jogar competitivamente.

Seu painel conta com 65 polegadas e tecnologia OLED, além de resolução 4K (3840 x 2160 pixels) e 120 Hz de frequência. Isso já é o suficiente para argumentar que não estamos falando sobre uma TV qualquer, mas sim um dos modelos top de linha do mercado.

Um dos principais fatores para isso é, sem dúvidas, o painel OLED, a grande estrela do modelo da LG. Enquanto os modelos LED contam com um painel de luz em sua traseira, os televisores dotados de tecnologia OLED trazem consigo uma tela dotada de pixels com capacidade própria de emitir luz. Em outras palavras, quando não há a necessidade de acendê-los, eles se mantêm totalmente apagados, o que acaba exibindo um preto mais preto, além de melhores cores e taxas de contraste. E isso é a grande vantagem dos televisores de OLED em relação aos convencionais de LED, que inevitavelmente contam com uma escala de preto mais "acinzentada", devido ao painel traseiro que emite luz a todo momento.

Na prática, toda essa tecnologia tem sim seu diferencial e o televisor OLED65E6P traz umas das melhores imagens do mercado. Para atestar isso, rodamos diversos tipos de conteúdo na televisão da LG. Com seriados e filmes de ação, por exemplo, que naturalmente contam com cenas mais escuras, pode-se dizer que o modelo não só se saiu muito bem como se mostrou uma das grandes referências do mercado em termos de contraste.

 

Com jogos, os resultados também foram excelentes. As imagens ficaram com excelente qualidade e os níveis de resposta (o famoso input lag) também foram bem baixos. Ou seja, a TV vai se sair muito bem tanto para jogadores casuais quanto para aqueles que querem qualidade para jogar competitivamente.

Interface, controle remoto e recursos

Em relação à interface, a LG disponibilizou o excelente WebOS 3.0 neste modelo de 65 polegadas. Em sua terceira geração, o sistema Smart TV da fabricante continua com uma fluidez impecável e, sem dúvida alguma, ainda é uma das melhores do mercado. Para acionar os apps, basta clicar no botão Home do controle remoto. A partir disso, uma série de apps e funções surgirão na parte de baixo da televisão. As principais, como a loja de conteúdos da LG, o Netflix, o YouTube ou o Globo Play já aparecem logo de cara e são facilmente acessíveis.

Algumas funcionalidades extras já vistas em outros modelos da marca também estão presentes no televisor de OLED da LG. O Time Machine II, por exemplo, abre a possibilidade de que você agendar e gravar um programa da televisão aberta. Mas, para isso, é necessário conectar HD externo ou um pen drive à televisão.

 

Quanto ao controle remoto, a LG surpreendentemente trouxe um acessório mais básico, parecido com o controle visto em modelos mais básicos da marca. Ou seja, ele não traz aquele design mais moderno do Smart Magic da marca, mas um corpo em formato de barra e mais longo. No entanto, ele oferece alguns detalhes interessantes. Um deles é o material utilizado em sua traseira, uma espécie de borracha que garante boa pegada durante o uso. Além disso, ele conta com uma espécie de pointer - que ajuda bastante na hora de navegar pelos menus - e com uma barra de rolagem, que também auxilia na usabilidade.

Em relação à interface, a LG disponibilizou o excelente WebOS 3.0 neste modelo de 65 polegadas. Em sua terceira geração, o sistema Smart TV da fabricante continua com uma fluidez impecável e, sem dúvida alguma, ainda é uma das melhores do mercado. Para acionar os apps, basta clicar no botão Home do controle remoto. A partir disso, uma série de apps e funções surgirão na parte de baixo da televisão. As principais, como a loja de conteúdos da LG, o Netflix, o YouTube ou o Globo Play já aparecem logo de cara e são facilmente acessíveis.

Algumas funcionalidades extras já vistas em outros modelos da marca também estão presentes no televisor de OLED da LG. O Time Machine II, por exemplo, abre a possibilidade de que você agendar e gravar um programa da televisão aberta. Mas, para isso, é necessário conectar HD externo ou um pen drive à televisão.

 

Quanto ao controle remoto, a LG surpreendentemente trouxe um acessório mais básico, parecido com o controle visto em modelos mais básicos da marca. Ou seja, ele não traz aquele design mais moderno do Smart Magic da marca, mas um corpo em formato de barra e mais longo. No entanto, ele oferece alguns detalhes interessantes. Um deles é o material utilizado em sua traseira, uma espécie de borracha que garante boa pegada durante o uso. Além disso, ele conta com uma espécie de pointer - que ajuda bastante na hora de navegar pelos menus - e com uma barra de rolagem, que também auxilia na usabilidade.

Conclusão

Sem dúvidas, a TV OLED65E6P é o modelo que você gostaria de ter em sua sala. Ela conta com um acabamento bastante moderno, uma interface Smart TV muito fluida e intuitiva, além de um controle remoto que auxilia bastante na usabilidade. No entanto, a grande estrela é seu painel com tecnologia OLED. Devido a uma dinâmica própria de funcionamento, esse tipo de tela confere níveis de cor e contraste acima da média do mercado, o que resulta em imagens fantásticas. Mas há um ponto negativo: toda essa empolgação acaba ficando um pouco de lado quando nos deparamos com seu custo, o que pode acabar desanimando muitos apaixonados por sua qualidade.

Matérias Relacionadas

Este produto ainda não possui avaliações.

Seja o primeiro a avaliar.

Avaliação Geral
Seja o primeiro a avaliar