Buscapé
BuscapéNosso sistema detectou que você está usando um navegador desatualizado

Para uma melhor experiência usando o Buscapé, aconselhamos que atualize o seu navegador para a versão mais recente.
Agradecemos desde já sua compreensão.

Tudo o que você precisa saber sobre babá eletrônica antes de comprar a sua

Veja as principais dicas para escolher a babá eletrônica perfeita para você e seu bebê

  • Por: Raquel MeloRaquel Melo05/05/2016
  • 05/05/2016

Aqueles que julgaram desnecessário acabaram pagando a língua quando se trata de babá eletrônica. Muitas mamães achavam que não precisariam do item para conseguir acompanhar o dia e noite do bebê e, pouco tempo depois, se renderam ao produto. Veja abaixo tudo o que você precisa saber antes de comprar uma babá eletrônica.

Veja os preços

Aonde colocar

As babás eletrônicas servem para acompanhar o estado do bebê quando os pais não estão por perto. Mesmo quem conta com a ajuda de um parente ou uma babá de verdade, ter uma babá eletrônica traz muito mais segurança para saber como o bebê está a todo o momento. Se a criança estiver no berço dormindo, por exemplo, e não tiver ninguém por perto; sem a babá eletrônica não há como perceber caso o bebê vomite ou engasgue com a saliva para poder socorrê-lo imediatamente.

Existe uma dúvida recorrente de onde colocar a babá eletrônica para ter a melhor visão do berço e da criança. Na parede, em um móvel, no tripé, dentro do berço; são várias opções que acabam confundindo as mamães de primeira viagem. Mas afinal, existe um local melhor e mais seguro para deixar o objeto? A princípio, deixar dentro do berço parece a melhor escolha por ficar mais perto do bebê, entretanto, conforme o bebê vai crescendo e se movimentando dentro dele, a criança pode derrubar a babá eletrônica em cima de si, e além da possibilidade de algum acidente, ela pode parar de funcionar e a mamãe perde o campo de visão. Sendo assim, o mais indicado é deixar o produto na parede ou em um móvel ao lado do berço.

Veja os preços

Vista Tecnologia Siga-me Baby

  • Alcance: 250 Metros
  • Funcionalidades: Câmera

Novos a partir de:

R$ Consulte

Como funciona

As babás eletrônicas funcionam como walkie talkie, aqueles rádios que utilizam frequência para conversas a longa distância; e são vendidas em pares, uma para ficar perto do bebê e outra perto dos pais. Caso exista a necessidade de ver a criança, para não ser despertado por qualquer barulhinho e levantar a toa, os modelos com câmera são os mais indicados. Algumas marcas oferecem a opção de zoom ou de poder conversar com o seu filho pela babá eletrônica e ainda tocam canções de ninar. Podem ser usadas ligadas na tomada, com bateria própria recarregável ou pilhas, de acordo o modelo e marca escolhida.

Veja os preços

Philips Avent Digital

  • Alcance: 150 Metros
  • Funcionalidades: Auto seletor de canal, Câmera, Reprodução de Som

Novos a partir de:

R$ 899,90

Escolhendo o modelo ideal

Tenha em mente algumas coisas antes de comprar sua babá eletrônica:

1) Se sua casa é grande ou pequena;

2) Logo, se o produto precisará ter frequência de longo alcance;

3) Com ou sem fio;

4) A tensão do local onde ela será usada;

5) Se há necessidade do modelo com câmera ou apenas o áudio é suficiente;

6) E por fim, quanto se está disposto a gastar com a babá eletrônica.

Dependendo do tamanho da sua casa e da distância do quarto do bebê para o quarto dos pais, será necessário que a babá eletrônica tenha longo alcance. A divisão dos cômodos e até mesmo o material usado na construção dos quartos podem dificultar ou diminuir o range. Inclusive, se o modelo usado for analógico (alguns são digitais), que utiliza rádio frequência aberta, ele pode sofrer com interferências de outros aparelhos da casa e até mesmo com os do vizinho.

Para não sofrer com interferências intermitentes, algumas babás eletrônicas contam com o modo Vox. Nesse estado, o aparelho funciona apenas quando detecta barulho no ambiente.

  • #babá eletrônica
  • #babá eletrônica philips
  • #como comprar babá eletrônica