Buscapé
BuscapéNosso sistema detectou que você está usando um navegador desatualizado

Para uma melhor experiência usando o Buscapé, aconselhamos que atualize o seu navegador para a versão mais recente.
Agradecemos desde já sua compreensão.

O que é TV 4K?

Saiba mais sobre a tecnologia que vem aos poucos conquistando espaço no mercado de televisões de alta resolução

  • Por: João Henrique Furtado SilvaJoão Henrique Furtado Silva13/04/2016
  • 13/04/2016

Entre os recentes lançamentos das principais fabricantes de televisores, há tecnologias que vêm chamando a atenção do público. Além dos painéis OLED, a resolução 4K vem complementando parte do portfólio das empresas e prometem trazer melhorias consideráveis aos usuários em termos de qualidade de imagem.

4K, Ultra HD, UHD... mas o que isso significa?

Atualmente, há basicamente quatro tipos de resolução de TVs: 480p (encontrada em muitos televisores antigos), HD (720p), Full HD (1080p) e, é claro, a resolução 4K (também conhecida como Ultra HD ou simplesmente UHD). Em termos mais técnicos, o 4K equivale a uma distribuição de 3.840 por 2.160 pixels na tela, o que, comparativamente, seria o equivalente a quatro vezes a resolução full HD.

O 4K é melhor que o Full HD?

No quesito técnico, a qualidade de imagens em 4K é inegavelmente impressionante, mas a melhoria trazida em relação ao Full HD ainda é pouco perceptível. Se compararmos um painel com resolução HD em relação a um em 480p, as diferenças são muito evidentes. Mas isso não ocorre quando colocamos o 4K lado a lado com o Full HD. Se não dissermos qual é qual, fica difícil distinguir ambos.

Outra questão surge quando colocamos em pauta o tamanho da tela e a distância entre a televisão e o espectador. Alguns especialistas inclusive questionam os efeitos práticos trazidos pelo 4K em TVs menores. Para alguns, as melhorias seriam sentidas apenas em modelos acima de 55 polegadas. Outros afirmam que a resolução faz mais sentido para cinemas, onde as telas são maiores e a distância entre os espectadores e a tela é considerável.

Claro, esses fatores não tiram o mérito do 4K. Como dito, modelos maiores conseguem trazer melhorias às imagens, mas, atualmente, esse não é o grande problema. No geral, os arquivos produzidos nessa qualidade são muito pesados e, para reproduzi-los, é necessário muito espaço disponível ou uma internet de alta velocidade (nos casos de streaming). Pela qualidade da conexão brasileira, é muito difícil reproduzir conteúdo 4K pela Internet.

Programas e filmes em 4K

Aliás, essa é uma crítica muito presente quando se trata do assunto. Na realidade, as TVs 4K chegaram antes mesmo dos conteúdos nessa resolução. Atualmente, poucas produções estão disponíveis ao público, com destaque para algumas séries do Netflix e alguns curtas-metragens.

Porém, o panorama promete ser diferente nos próximos anos. Novas tecnologias como aparelhos de Blu-Ray com suporte ao 4K devem esquentar essa fatia do mercado. Apesar de ainda não estarem disponíveis, essas novas mídias de Blu-Ray devem facilitar principalmente aqueles que não possuem conexões mais potentes, como é o caso dos brasileiros.

Essa tecnologia, é claro, deve chegar ao público com um preço inicial salgado, mas, assim como o próprio 4K, é algo que com certeza deve baixar seu preço nos próximos anos. Algumas fabricantes já sinalizaram lançamentos para os próximos meses no mercado externo, como a Samsung e a Panasonic. Entretanto, a previsão de chegada no Brasil ainda é incerta.

TV 4K vale a pena?

As TVs 4K já são uma realidade na vida dos usuários. Quem procurar uma nova TV com essa resolução vai se assustar com a faixa de preços na qual se encontram esses modelos, um cenário que deve ser melhorado nos próximos anos. Assim como outros recursos, a tendência é que as fabricantes achem métodos de baratear (e, consequentemente, popularizar) o 4K, assim como aconteceu com os televisores HD e Full HD.

Mas é inegável que o 4K dialoga com o futuro das televisões e já vem substituindo o full HD como a principal resolução nos aparelhos tops de linha das fabricantes. Então, se você estiver procurando uma TV acima da média e com diversas funções já inclusas, provavelmente você já vai acabar adquirindo uma com 4K, mesmo que essa não seja a sua principal meta. Caso você queira muito um televisor com resolução 4K, é melhor esperar mais um pouco, já que os conteúdos disponibilizados nessa resolução ainda são bem escassos.

Abaixo você confere 2 TVs 4k com ótima relação entre custo e benefício, e uma mais parruda, para quem pode investir alto:

Veja os preços

Smart TV 4K Ultra HD Philips Série 6300 LED 40 polegadas 40PUG6300

  • Definição: 4K Ultra HD
  • Tecnologia: Miracast, Wi-Fi Direct
  • Funções: Guia Eletrônico de Programação, Sensor de Luz, Timer

Novos a partir de:

R$ Consulte

Veja os preços

Smart TV 4K Ultra HD LG LED 43 polegadas 43UF6400

  • Definição: 4K Ultra HD
  • Tecnologia: Miracast, Time Machine II, WiDi
  • Funções: Conversor Digital Interno

Novos a partir de:

R$ 2.699,00

  • #TV 4k

Mat�rias Relacionadas