Buscapé

Nosso sistema detectou que você está usando um navegador desatualizado

Para uma melhor experiência usando o Buscapé, aconselhamos que atualize o seu navegador para a versão mais recente.
Agradecemos desde já sua compreensão.

Navegue logado e tenha proteção em suas compras. O Buscapé te protege em até R$ 5 mil.

Smartphone Samsung Galaxy J5 SM-J500M
Ícone de Favorito

Avaliação do Especialista

Com preço camarada e design elegante, o Galaxy J5 quer chamar sua atenção na prateleira

Prós

  • Design elegante
  • Câmera para selfies de alta definição
  • Dual-chip
  • Rádio FM com RDS
Ler a avaliação completa
  • Ver histórico:
Achou caro?
Crie um alerta de preço que a gente avisa você!
Maior preço registrado:R$ 1.359,90
Menor preço registrado:R$ 599,01
Me avise quando o preço chegar em:
0%
0%
100%
Arraste a barra para controlar o valor do pedido
Informações Básicas
TipoSmartphone
MarcaSamsung
LinhaGalaxy
ModeloJ5 SM-J500M
ChipsDual Chip
Câmera
Câmera Traseira13.0 Megapixels
Funções da CâmeraDetector de Rosto
Câmera Frontal5.0 Megapixels Frontal
Tela
Tamanho da Tela5.0 polegadas
Tipo de TelaSUPER AMOLED
Resolução720 x 1280 Pixels
DefiniçãoHD
Hardware
ProcessadorQualcomm Snapdragon 410
NúcleosQuad-Core (4 Núcleos)
Velocidade do Processador1.2 GHz
Memória Interna16 GB
Memória RAM1.5 GB RAM
EntradasFone de Ouvido
Software
Sistema OperacionalAndroid
VersãoLollipop
Características e Conectividade
Internet4G
RecursosBluetooth 4.1
Bateria
Bateria2600 mAh
Dimensões
Largura71,8 mm
Altura142,1 mm
Profundidade7,9 mm
Peso146 g
Por Colaborador em 14/09/2015

Com preço camarada e design elegante, o Galaxy J5 quer chamar sua atenção na prateleira

Se você busca um smartphone com linhas arrojadas, desempenho competente e que não custa tanto, o Galaxy J5 pode ser seu próximo celular

Prós

  • Design elegante
  • Câmera para selfies de alta definição
  • Dual-chip
  • Rádio FM com RDS

Contras

  • Bateria poderia ter melhor autonomia
  • Tampa traseira aparenta fragilidade

A Samsung criou um smartphone para entrar no concorrido mercado de aparelhos de médio custo, com bom desempenho, construção bem acabada e câmera para selfies de alta definição. O Galaxy J5 é tudo isso, com processador quad-core e Android 5.1, que promete servir o usuário por muitos anos sem reclamar de falta de compatibilidade com apps. Confira se este aparelho é realmente o que promete, nesta análise!

A Samsung criou um smartphone para entrar no concorrido mercado de aparelhos de médio custo, com bom desempenho, construção bem acabada e câmera para selfies de alta definição. O Galaxy J5 é tudo isso, com processador quad-core e Android 5.1, que promete servir o usuário por muitos anos sem reclamar de falta de compatibilidade com apps. Confira se este aparelho é realmente o que promete, nesta análise!

Características físicas e experiência de uso

Do lado de fora do Galaxy J5 temos um celular feito todo em plástico, sem rebarbas e com belo acabamento que lembra o metal - é só tocar para sentir que é plástico. Na parte da frente temos uma tela de 5 polegadas, Super AMOLED e com resolução de 1280 x 720 pixels, que resulta em uma densidade aproximada de 294 pixels por polegada quadrada e que não recebem proteção extra de um Gorilla Glass da vida, mas que sim, é forte para suportar pequeninos riscos do cotidiano. Ainda na frente temos dois botões sensíveis ao toque, um central e físico, junto de uma câmera frontal de 5 megapixels e sensor de proximidade - não há sensor de luz, o que deixa o brilho da tela sem a função de ajuste automático. Ah, ele tem flash para a câmera frontal.

No lado direito há apenas o botão liga/desliga, com os botões de controle de volume na extremidade oposta. Acima não há nada, enquanto na parte de baixo ficam as entradas microUSB e para fone de ouvido, dividindo espaço com o microfone principal. A traseira, fosca e levemente áspera, abriga a câmera de 13 megapixels, um LED para flash e alto-falante. Abrindo a tampa, que é bastante mole (aparentando fragilidade), temos as duas entradas para chip da operadora (padrão Micro-SIM) e para cartão de memória microSD de até 128 GB. A bateria também está por aqui, com seus 2.600mAh, que são capazes de suportar até um dia inteiro de uso moderado. Esta autonomia poderia ser maior, já que não há opção de brilho automático que aumentaria a capacidade energética do aparelho para algumas horas extras.

Suas dimensões são de 14,2 centímetros de altura, por 7,1 centímetros de largura e 0,7 centímetro de espessura, tudo isso somado aos 146 gramas de peso total - já considerando a bateria instalada. São números que revelam um aparelho que não é dos menores, mas que não vai fazer muito volume em uma calça jeans mais apertada. O peso leve ajuda na hora de não cansar muito a mão, quando há várias horas de uso contínuo. Por fim, o teclado é virtual e tira bom proveito da tela grande. As teclas são bem espaçadas e oferecem uma digitação veloz e precisa.

Do lado de fora do Galaxy J5 temos um celular feito todo em plástico, sem rebarbas e com belo acabamento que lembra o metal - é só tocar para sentir que é plástico. Na parte da frente temos uma tela de 5 polegadas, Super AMOLED e com resolução de 1280 x 720 pixels, que resulta em uma densidade aproximada de 294 pixels por polegada quadrada e que não recebem proteção extra de um Gorilla Glass da vida, mas que sim, é forte para suportar pequeninos riscos do cotidiano. Ainda na frente temos dois botões sensíveis ao toque, um central e físico, junto de uma câmera frontal de 5 megapixels e sensor de proximidade - não há sensor de luz, o que deixa o brilho da tela sem a função de ajuste automático. Ah, ele tem flash para a câmera frontal.

No lado direito há apenas o botão liga/desliga, com os botões de controle de volume na extremidade oposta. Acima não há nada, enquanto na parte de baixo ficam as entradas microUSB e para fone de ouvido, dividindo espaço com o microfone principal. A traseira, fosca e levemente áspera, abriga a câmera de 13 megapixels, um LED para flash e alto-falante. Abrindo a tampa, que é bastante mole (aparentando fragilidade), temos as duas entradas para chip da operadora (padrão Micro-SIM) e para cartão de memória microSD de até 128 GB. A bateria também está por aqui, com seus 2.600mAh, que são capazes de suportar até um dia inteiro de uso moderado. Esta autonomia poderia ser maior, já que não há opção de brilho automático que aumentaria a capacidade energética do aparelho para algumas horas extras.

Suas dimensões são de 14,2 centímetros de altura, por 7,1 centímetros de largura e 0,7 centímetro de espessura, tudo isso somado aos 146 gramas de peso total - já considerando a bateria instalada. São números que revelam um aparelho que não é dos menores, mas que não vai fazer muito volume em uma calça jeans mais apertada. O peso leve ajuda na hora de não cansar muito a mão, quando há várias horas de uso contínuo. Por fim, o teclado é virtual e tira bom proveito da tela grande. As teclas são bem espaçadas e oferecem uma digitação veloz e precisa.

Características técnicas

Por dentro deste smartphone, temos um processador Qualcomm MSM8916 Snapdragon 410, rodando quatro núcleos em 1.2 GHz e com instruções para 64 bits, acompanhado de 1,5 GB de memória RAM, GPU Adreno 306 e 16 GB de memória interna - que pode crescer com um cartão microSD de até 128 GB. O conjunto da obra entrega um desempenho bastante fluido, mesmo para a interface pesada que a Samsung coloca em cima do Android, que está na versão 5.1 Lollipop.

Os menus são de fácil acesso, com bom contraste e ícones lúdicos, o que ajuda até mesmo quem nunca tocou em um smartphone na vida. A curva de aprendizado é favorável ao usuário, até ao mais leigo. A lista de apps pré-instalados inclui o Gmail, Google Chrome, YouTube, Google Maps e algumas ferramentas da Samsung, como app de câmera com vários modos de fotografia e um pequeno editor de fotos. O tocador de músicas, também alterado pela fabricante, é capaz de reproduzir os formatos MP3, WAV, WMA, eAAC+ e FLAC, enquanto para vídeos você pode rodar os arquivos em MP4, WMV e H.264, de alta definição e sem necessidade de algum aplicativo terceiro para esta função.

Na parte de conexões temos Wi-Fi 802.11 nos padrões b, g e n, Bluetooth 4.1 com A2DP, GPS com A-GPS e GLONASS, 3G quadriband e 4G funcionando na frequência do Brasil, o que garante que todas as operadoras podem funcionar neste aparelho. Em sensores há acelerômetro e sensor de proximidade, que auxiliam o aparelho a entender o seu entorno.

Por dentro deste smartphone, temos um processador Qualcomm MSM8916 Snapdragon 410, rodando quatro núcleos em 1.2 GHz e com instruções para 64 bits, acompanhado de 1,5 GB de memória RAM, GPU Adreno 306 e 16 GB de memória interna - que pode crescer com um cartão microSD de até 128 GB. O conjunto da obra entrega um desempenho bastante fluido, mesmo para a interface pesada que a Samsung coloca em cima do Android, que está na versão 5.1 Lollipop.

Os menus são de fácil acesso, com bom contraste e ícones lúdicos, o que ajuda até mesmo quem nunca tocou em um smartphone na vida. A curva de aprendizado é favorável ao usuário, até ao mais leigo. A lista de apps pré-instalados inclui o Gmail, Google Chrome, YouTube, Google Maps e algumas ferramentas da Samsung, como app de câmera com vários modos de fotografia e um pequeno editor de fotos. O tocador de músicas, também alterado pela fabricante, é capaz de reproduzir os formatos MP3, WAV, WMA, eAAC+ e FLAC, enquanto para vídeos você pode rodar os arquivos em MP4, WMV e H.264, de alta definição e sem necessidade de algum aplicativo terceiro para esta função.

Na parte de conexões temos Wi-Fi 802.11 nos padrões b, g e n, Bluetooth 4.1 com A2DP, GPS com A-GPS e GLONASS, 3G quadriband e 4G funcionando na frequência do Brasil, o que garante que todas as operadoras podem funcionar neste aparelho. Em sensores há acelerômetro e sensor de proximidade, que auxiliam o aparelho a entender o seu entorno.

Acessórios e o que vem na caixa

Como estamos com um aparelho da Samsung em mãos, que é uma fabricante bastante popular, há uma série de acessórios no mercado e que são simples de encontrar. A lista inclui cabos sobressalentes, películas para o vidro, capas protetoras e apoios para carro ou bicicleta, ou até motos. Na caixa do aparelho você encontra o celular, cabo de dados USB, carregador de tomada, fone de ouvido, manual de instruções e o certificado de garantia de 12 meses.

Como estamos com um aparelho da Samsung em mãos, que é uma fabricante bastante popular, há uma série de acessórios no mercado e que são simples de encontrar. A lista inclui cabos sobressalentes, películas para o vidro, capas protetoras e apoios para carro ou bicicleta, ou até motos. Na caixa do aparelho você encontra o celular, cabo de dados USB, carregador de tomada, fone de ouvido, manual de instruções e o certificado de garantia de 12 meses.

Conclusão

Se você busca um smartphone que não custa muito, com bom desempenho e que pode funcionar com dois chips ativos, o Galaxy J5 pode ser seu próximo aparelho. Ele vem com processador Snapdragon 410 de quatro núcleos em 64 bits, tela Super AMOLED de alta qualidade e design que lembra modelos mais parrudos. Porém, sua bateria poderia ter maior capacidade de energia e a tampa traseira é mole, aparentando fragilidade.

Matérias Relacionadas

Review: Samsung Galaxy S8+
1-seg e Full-seg: conheça os padrões de transmissão de TV digital em smartphones
LG lança novos smartphones da série K no Brasil
LG G6 é lançado no Brasil com preço sugerido de R$ 3.999
10/10 Recomendo este produto
10/10 Recomendo este produto
10/10 Recomendo este produto
10/10 Recomendo este produto
10/10 Recomendo este produto

Avaliação Geral

95%Recomendam a compra
8/10Baseado em 1140 avaliações

Aspectos Positivos

  • Facilidade de Uso
  • Câmera
  • Display
  • Design
  • Custo-Benefício
  • Funções e Características
  • Durabilidade
  • Duração da Bateria

Pontos de Atenção

  • Conectividade

Aspectos Negativos

  • Resistência do Aparelho
Enviar sua Avaliação